John Lennon implorou para que Ben Kingsley virasse cantor

Se dependesse dos Beatles, o ator de 69 anos, vencedor do Oscar e de dois Globos de Ouro, teria sido cantor

Blaine McEvoy Publicado em 08/11/2013, às 19h32 - Atualizado às 21h07

Ben Kingsley em Homem de Ferro 3
Reprodução

Imagine Ghandi com Dustin Hoffman como líder do movimento de independência da Índia ou Doidão com Mary-Kate Olsen seduzindo Bill Murray? As duas situações poderiam ter sido realidade se Ben Kingsley tivesse aceitado o conselho dos Beatles e se tornado cantor. "John Lennon e Ringo viram um show meu e me apresentaram para Dick James, que era diretor da Northern Songs, empresa de publicação musical”, disse Kingsley ao site da revista The Hollywood Reporter. "Também recebi uma proposta do festival de teatro Chichester, para fazer peças clássicas, e decidi ir para lá – o que acabou me levando ao Royal Shakespeare." A subsequente elevação de Kingsley à trupe de teatro mais importante do Reino Unido teve um efeito duradouro no ator, que cita essas experiências no palco como a principal influência nos seus 41 anos de carreira no cinema.

Galeria: dez grandes parcerias do rock and roll, como John Lennon e Paul McCartney.

"Shakespeare colocava padrões de comportamento humano tão maravilhosos nas páginas. Eles ainda são verdadeiros hoje, e isso explica porque todas as cidades grandes a que você chega têm sempre uma peça de Shakespeare para ver”, disse Kingsley à Rolling Stone EUA, quando ele contou que via comportamento semelhantes em Homem de Ferro 3, papel dele que antecedeu Ender's Game – O Jogo do Exterminador. "Você tem uma sequência ótima de ação seguida de um momento absurdo, vulnerabilidade e carinho, amor.”

Especial John Lennon: O guia definitivo para a vida e a música da lenda.