Liam Gallagher quer novo grupo

Após fim do Oasis, músico rejeitou hipótese de carreira solo: "Quero estar numa banda"

Da redação Publicado em 27/10/2009, às 11h24

Liam Gallagher já vislumbra sua carreira musical pós-Oasis. Após garantir, no início do mês, que a banda de britpop não vai continuar sem o irmão, Noel Gallagher, que abandonou o barco em agosto, o britânico está dando um tempo da música agora, mas contou ao jornal escocês The Scotsman que tem planos de criar uma banda no ano que vem, "talvez depois de janeiro".

Enquanto o irmão mais velho confirmou, no mês passado, a intenção de partir em carreira solo, Liam enfatizou que prefere estar entre parceiros musicais. "Não quero fazer nada solo. Quero estar numa banda."

A diferença é que, agora, há opção de "fazer as coisas de forma bem diferente". Mas um detalhe é afiançado pelo ex-vocalista do Oasis, nativo de Manchester, Inglaterra: "Definitivamente, será rock 'n' roll".

Atualmente, Liam respira ares extramusicais. "Por ora, estarei em casa relaxando, apenas ficando de fora da música por um tempinho." Engatou: "Então, vou começar algo talvez depois de janeiro, fazer algo diferente, ver aonde vai. Mas estarei dando um respiro da música por um tempo, sem dúvida".

Uma das tarefas a que se dedica agora é a Pretty Green, grife de roupas que lançou em junho. Só que Liam não tem a menor intenção de continuar no mercado da moda se isso significar pôr a música em eterno banho-maria. "Estamos fazendo o negócio da Pretty Green, mas você não faz 18 anos de música e depois vai, 'certo, é isso aí, quero fazer roupas'. Não há sentido em parecer bem e não ter ritmo algum, não é?"

Ele também afiançou que o grupo fundado com o irmão em 1991 não vai passar batido na memória. "Sempre sentirei falta do Oasis. Era a porra do meu negócio, entende? É quem eu sou", ele disse, para então acrescentar a ressalva nas próximas palavras. "Mas é só um nome. Ainda sou quem eu sou e posso ir e fazer algo diferente. Tenho música dentro de mim. Nunca a deixarei para trás, mas vamos ver aonde vai. Pode ser uma merda, mas você não sabe até ter tentado."