Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Miley Cyrus

Miley Cyrus se arrependeu de briga com Sineád O' Conor em 2013; "Eu não tinha ideia do frágil estado mental em que ela se encontrava”

Em novo documentário, Miley Cyrus refletiu sobre sua juventude e carreira

Redação Publicado em 25/08/2023, às 17h18

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Sinéad O'Connor morreu aos 53 anos
Sinéad O'Connor morreu aos 53 anos

Em entrevista para seu documentário Endless Summer Vacation: Continued (Backyard Sessions), Miley Cyrus declarou que se arrependeu de sua discussão com a cantora Sinéad O' Connor, morta em julho deste ano. Na ocasião, O' Connor chegou a ameaçar Miley de processo após uma intensa briga pelas redes sociais em relação ao clipe de "Wrecking Ball" e sua polêmica apresentação no VMA (via People). 

"Eu não tinha ideia do frágil estado mental em que ela se encontrava”, disse ela. “E eu também tinha apenas 20 anos. Então, eu realmente não conseguia entender muito sobre doenças mentais.”

“Tudo o que vi foi que outra mulher me disse que essa ideia [apresentação VMA] não era ideia minha, e mesmo que eu estivesse convencida de que era, ainda era apenas porque homens me manipularam para acreditar."

Sinéad O'Connor ameaçou Miley Cyrus de processo em 2013. As duas travaram uma briga pelas redes sociais quando Miley ironizou a saúde mental da cantora e a comparou com a atriz Amanda Bynes. 

“Estou extremamente preocupada com você, pois aqueles ao seu redor a levaram a acreditar que é de alguma forma ‘legal’ estar nu e lambendo marretas em seus vídeos”, escreveu O’Connor sobre a apresentação de Mily do VMA em 2013. 

Miley então respondeu de forma debochada: 

"Quando você acabar na ala psiquiátrica ou reabilitação, eu vou ficar feliz em visitá-la. Antes de Amanda Bynes... Houve..."escreveu Cryrus no Twitter seguido de uma reprodução de tweets de Sinead.

+++ LEIA MAIS: Sinead O’Connor decide não se aposentar da música e pede desculpas pelo 'susto'