Prefeitura de São Paulo ordena cancelamento de eventos públicos em São Paulo - inclusive shows e festivais - por coronavírus

Na sexta, 13, a Time For Fun anunciou o adiamento do Lollapalooza Brasil 2020 e show do McFly - outros eventos devem seguir o mesmo caminho

Redação Publicado em 13/03/2020, às 18h38

None
Contágio (foto: Reprodução / Warner)

A Prefeitura de São Paulo declarou nesta sexta, 13, que todos os eventos públicos de São Paulo devem ser cancelados como medida de prevenção ao coronavírus - ou COVID-19. As informações são da Folha de São Paulo.

A decisão veio de Eduardo Tuma (PSDB), prefeito em exercício da cidade, e Bruno Covas, prefeito eleito em licença médica até domingo, 15. A proibição de eventos particulares não é obrigatória - mas altamente indicada.

+++ LEIA MAIS: Lollapalooza 2020 é adiado como medida de prevenção contra coronavírus

A contenção vale para eventos de aglomerado. A Prefeitura de São Paulo não indiciou número certo de indivíduos, mas as medidas mundiais indicam, em média, 250 pessoas em lugar aberto e 100 em ambientes fechados.

Por isso, festivais, jogos esportivos, reuniões esportivas e comerciais, convenções e quaisquer outros eventos grandes deverão ser adiados - inclusive as dezenas de shows que aconteceriam na cidade.

Ainda na sexta, 13, a Time For Fun anunciou o adiamento do Lollapalooza Brasil 2020, sediado no Autódromo de Interlagos. O festival musical aconteceria entre os dias 3 e 5 de abril. Agora, serão na primeira semana de dezembro. McFly, outra produção da empresa, também faria show na cidade em março - agora, apresentarão em setembro.

+++ SESSION ROLLING STONE BRASIL: DELACRUZ - ANESTESIA