Nicolas Cage parou de ir a karaokês após cantoria de ‘Purple Rain’ viralizar; entenda

Em 2019, um vídeo de Nicolas Cage em um karaokê cantando sua versão de "Purple Rain", do Prince, viralizou - e traumatizou o astro

Redação Publicado em 07/01/2022, às 09h45

None
Nicolas Cage (Foto: Jason Merritt/Getty Images)

Mesmo astros consagrados passam por momentos que julgam embaraçosos (e traumáticos). O ator Nicolas Cage revelou que não frequenta karaokês desde 2019, quando um vídeo dele cantando “Purple Rain”, um dos hits do Prince, vazou e viralizou nas redes sociais.

Em mesa redonda do site The Hollywood Reporter (via Revista Monet), Nicolas Cage conversou com Jonathan Majors, Andrew Garfield, Peter Dinklage e Simon Rex, e admitiu que gostava muito de ir aos karaokês até ter sua cantoria vazada nas redes sociais em abril de 2019:

+++LEIA MAIS: Nicolas Cage desabafa sobre ‘fracassos’ em Hollywood: ‘Fui marginalizado pelos estúdios’

“Karaokê para mim era como terapia até alguém gravar a minha versão punk-rock de ‘Purple Rain’, do Prince. Acabou em todos os lugares e decidi: ‘não vou mais a karaokês,’” admitiu Nicolas Cage.

Em seguida, o ator Andrew Garfield (protagonista da franquia O Espetacular Homem-Aranha) lamentou a decisão de Nicolas Cage, e brincou sobre o ocorrido: “Não esconda esse dom do mundo. Você precisa continuar nos presenteando com isso.”

+++ LEIA MAIS: Nicolas Cage é confundido com sem-teto e expulso de bar por bebedeira e confusão

“Bem, cantar é terapia, eu acho. Com certeza. Karaokê deveria ser algo pessoal. É como uma oração,” respondeu Cage.

Vale lembrar que o disco, gravado no karaokê em 2019, foi vazado poucas semanas após o astro Nicolas Cage e a maquiadora profissional Erika Koike terminarem o casamento de quatro dias.

Nicolas Cage implorou vaga em Poderoso Chefão

Em entrevista ao The Hollywood Reporter, Nicolas Cage revelou que implorou ao tio, o aclamado cineasta Francis Ford Coppola, para atuar em O Poderoso Chefão 3 (1990), filme estrelado por Al Pacino e AndyGarcía - e o diretor recusou. 

+++ LEIA MAIS: Nicolas Cage se inspirou em filme de 2021 para versão de Drácula; entenda

"Meu tio fez O Poderoso Chefão 3, e eu disse: 'Realmente deveria estar no seu filme, tio. É uma boa ideia se você me escalar, posso atuar nessa parte,'" relembrou Cage.