Qual é o melhor filme da trilogia Rua do Medo?

A trilogia da Rua do Medo lançada pela Netflix foi aclamada pela crítica e pelos fãs de filmes de terror

Redação Publicado em 22/07/2021, às 14h09

None
Rua do Medo (Foto: Reprodução/Netflix)

A trilogia da Rua do Medo (2021), inspirada nos livros de R.L. Stine, chegou à Netflix em julho de 2021 e logo se tornou um sucesso no streaming. Os filmes de terror acompanham uma maldição na cidade de Shadyside ao longo de três anos diferentes, 1994, 1978 e 1966. 

A história seria originalmente lançada no cinema, mas por conta da pandemia de Covid-19, a Netflix optou por divulgar as sequências no streaming. Não demorou muito para a Rua do Medo atrair a atenção positiva do público e da crítica. No entanto, alguns elementos funcionaram melhor em um filme do que nos outros. 

+++ LEIA MAIS: 6 filmes de terror que ainda vão sair em 2021 para ficar de olho [LISTA]

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Netflix Brasil (@netflixbrasil)

 

De acordo com Screen Rant,Rua do Medo: 1978 - Parte 2é o mais fraco da trilogia. Apesar de ser inspirado em sucessos do terror, como Acampamento Sinistro (1983) e Sexta-Feira 13 (1980), em diversos momentos a violência no filme parece gratuita. Além disso, os personagens não foram bem desenvolvidos, provavelmente devido aos curtos arcos de duração, fazendo-o cair na armadilha clássica do filme do meio que acontece em muitas trilogias.

Rua do Medo: 1994 - Parte 1 fica em segundo lugar. Enquanto a Parte 2 contava um capítulo da história, a Parte 1 foi responsável por apresentar a trama ao público. Dessa vez, os protagonista precisaram lidar com uma série de assassinos com poderes sobrenaturais. E graças aos fortes protagonistas, cada um com uma missão a seguir, o filme conseguiu se destacar. 

+++ LEIA MAIS: Após Viúva Negra, Scarlett Johansson produz e estrela filme de terror da Disney; veja os detalhes

No entanto, Rua do Medo: 1666 - Parte 3 é o melhor de todos. O longa transporta o público para 1666 para explicar a origem da maldição e trouxe uma conclusão extremamente satisfatória para a trilogia. É emocionante ver o elenco retornando para interpretar novos papéis com um ótimo desempenho. Além disso, o filme também deixou pontas abertas suficientes para outras histórias. 


+++ RS TRENDING | CONHEÇA OLIVIA RODRIGO: VIDA, RECORDES, SOUR E MAIS!