Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Elon Musk cita frase errada de 'Duna' e internet não perdoa

Elon Musk errou ao confundir citação de Duna, e usuários não economizaram críticas no Twitter

Redação Publicado em 28/11/2022, às 15h14

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Pôster de Duna (2022) (Foto: divulgação) Elon Musk (Foto: Getty Images)
Pôster de Duna (2022) (Foto: divulgação) Elon Musk (Foto: Getty Images)

Elon Muskerrou ao publicar no Twitter, uma citação de Duna, romance de Frank Herbet. O recém proprietário da rede escreveu: “O fanatismo é sempre uma função da dúvida reprimida”, na última terça-feira, (22).  A verificação de fatos do Twitter corrigiu: “Esta não é uma citação do livro Duna, mas do psicólogo Carl Jung. A citação real é 'O fanatismo é sempre um sinal de dúvida reprimida'".

Após a correção, usuários não economizaram críticas a Musk. Um deles mencionou a abordagem recente do dono da rede em relação aos funcionários da empresa (via NME).

+++ LEIA MAIS: Elon Musk critica O Senhor dos Anéis: Os Anéis de Poder: 'Tolkien se revira no caixão'

“Há apenas um funcionário descontente cujo trabalho é verificar os fatos que você sabe que ele está fazendo apenas para ver até onde ele pode ir antes de ser demitido. ”

Já outro usuário defendeu: “Ele estava apenas verificando se o bot funciona”.


Elon Musk é o novo dono Twitter

Elon Musk assumiu comando do Twitter e instaurou mudanças imediatas no mês de outubro. Além de demitir alguns executivos de alto escalão, o novo dono da rede social quer implementar verificação paga e pretende dispensar mais funcionários caso metas não sejam atingidas.

Entre as novidades estão o Twitter Blue - modalidade com assinatura de US$ 4,99 mensais que oferece recursos extras na plataforma - e a verificação paga. Para conseguir o selo, usuários deverão pagar US$ 19,99 mensais. Conforme apontado pelo The Verge, contas que possuem a marca de verificado e quiserem manter terão 90 dias para começar assinatura.

+++ LEIA MAIS: Elon Musk revela conversa com Kanye West após tuíte antissemita

A companhia optou por não emitir comunicado sobre as mudanças quando a Rolling Stone EUA entrou em contato. Musk já havia dado dicas sobre os planos. "Todo o processo de verificação será revisto agora," afirmou em publicação no domingo, 30.