Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Mãe de Britney Spears pede desculpas à cantora: 'Estou arrependida'

Em comentários nas redes sociais, Lynne Spears pediu perdão por "qualquer dor" sentida por Britney

Dimitrius Vlahos Publicado em 05/10/2022, às 11h18

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Britney, Lynne Spears (Foto: Stephen Shugerman)
Britney, Lynne Spears (Foto: Stephen Shugerman)

Publicação de Britney Spears no Instagram foi meio encontrado por Lynne Spears para se desculpar. Nas redes sociais, a cantora havia afirmado que "um pedido de desculpas genuíno ajudaria a encerrar" os problemas na família.

Lynne pediu que Britney a desbloqueasse para, então, conversarem, e pediu perdão por "qualquer dor" que tivesse feito a filha passar. Os impasses entre mãe e filha vieram da duradoura tutela administrada pelo pai, JamieSpears.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears faz novas acusações sobre tutela: 'Me jogaram fora'

"Sinto muito pela sua dor. Estou arrependida. Te amo muito e sinto saudade! Britney, você sabe que eu amo você e sinto sua falta! Peço desculpas por tudo e qualquer coisa que te machucou!", Lynne escreveu.

Segundo o Page Six, a mãe teria tentado contato com Britney por telefone, mas não conseguiu. Assim, recorreu ao Instagram e tornou público o pedido de desculpas. Desde o fim da tutela, em 2021, a artista fez diversas publicações direcionadas à família, expondo tratamento recebido durante os últimos anos.

Família e redes sociais

Em período ainda conturbado pelos resquícios da tutela, o fim de 2021 marcou a exposição de Britney aos próprios fãs por meio das redes sociais. A cantora utilizou a internet para criticar a família e relatar parte dos abusos que sofreu durante os 13 anos de controle absoluto de finanças e carreira.

+++ LEIA MAIS: Britney Spears cita #FreeBritney pela primeira vez: ‘Só sabem metade da situação’

"Se você tem um amigo que está em uma casa que parece realmente pequena por quatro meses, sem carro, sem telefone, sem porta para a privacidade e ele tem que trabalhar cerca de 10 horas por dia, 7 dias por semana e dar muito sangue semanalmente sem nunca ter um dia de folga," escreveu em publicação de 5 de outubro de 2021.

Ela acrescentou: "Eu sugiro fortemente que você vá buscar seu amigo e tire-o de lá. Se você é como minha família, que diz coisas como 'desculpe, você está em uma tutela', provavelmente pensando que você é diferente, então eles vão f**** com você. Felizmente encontrei um advogado incrível, Mathew Rosengart, que ajudou a mudar minha vida."