Marília Mendonça: Do sucesso de 'Infiel' à parceria com Maiara & Maraisa em As Patroas

Marília Mendonça, também conhecida como “Rainha da Sofrência” morreu, aos 26 anos, após queda de avião nesta sexta, 5 de novembro

Redação Publicado em 05/11/2021, às 19h05 - Atualizado em 06/11/2021, às 13h30

None
Marília Mendonça (Foto: Reprodução / Instagram)

A cantora Marília Mendonça morreu nesta sexta, 5 de novembro, aos 26 anos, após uma queda de avião em Minas Gerais. Outras quatro pessoas, inclusive o produtor dela, estavam na aeronave e não sobreviveram. 

Um dos maiores nomes do sertanejo no Brasil, Marília Mendonça também é conhecida como a "Rainha da Sofrência" pelos hits "Infiel," "De Quem é a Culpa," "Supera," "Todo Mundo Vai Sofrer" e outros em que canta sobre desilusões amorosas, traições e decepções.

+++ LEIA MAIS: Marília Mendonça: Rainha da sofrência, compositora se consolidou como uma das mais populares do sertanejo; relembre trajetória

A estrela, ainda, representou uma grande virada para o gênero sertanejo, pois defendeu a força feminina em meio a um estilo musical pautado por homens. Em participação no programa Domingão do Faustão, na TV Globo, ela falou sobre a responsabilidade que tinha: 

As pessoas perguntam se trabalhei essa musicalidade em cima de um assunto social, das mulheres, do feminismo, mas foi uma coisa natural minha. Eu tinha vontade de falar desses assuntos, não foi de uma forma social, mas acabou se tornando e sinto essa responsabilidade na minha vida".

Marília Mendonça

Nascida na cidade de Cristianópolis, Goiás, Marília Mendonça mostrou o talento para a música logo cedo, aos 12 anos. Ao longo do tempo, compôs vários hits para diversos grandes artistas do sertanejo, como "Cuida Bem Dela" e "Flor e o Beija-Flor", da dupla Henrique & Juliano

+++LEIA MAIS: Marília Mendonça: colegas comentam morte precoce da cantora: 'Marcou uma geração'

O sucesso avassalador da cantora veio apenas em 2016, com o lançamento do primeiro disco intitulado Marília Mendonça: Ao Vivo, responsável pela estreia dos conhecidos hits "Sentimento Louco" e "Infiel." A canção "Infiel," inclusive, tornou-se uma das músicas mais tocadas no Brasil e recebeu certificado de disco de diamante triplo.

O segundo álbum, Realidade, foi lançado em 2017 e recebeu uma indicação ao Grammy Latino na categoria de Melhor Álbum de Música Sertaneja. Em 2019, lançou Todos os Cantos, um projeto roteirizado com shows gravados pela cantora em todas as capitais do país; o disco lhe rendeu uma certificação de disco de tripla platina pelas 240 mil cópias vendidas e o prêmio de Grammy Latino na categoria de Melhor Álbum de Música Sertaneja.

+++LEIA MAIS: Morre Marília Mendonça, aos 26 anos, após queda de avião em MG

Em março de 2019, foi divulgado pelo serviço de streaming Spotify, que a cantora ocupava o primeiro lugar no Top 10 das mulheres mais ouvidas do Brasil na plataforma.

As Patroas

Em 2020, Marília Mendonça integrou o projeto As Patroas, junto da dupla sertaneja Maiara & Maraisa, lançando o álbum autointitulado As Patroas, somente com regravações antigas e a única inédita "Quero Você Do Jeito Que Quiser," composição das três. 

Desde a escolha do repertório, os ensaios, relembrar as músicas que escrevemos há muito tempo e, por falta de tempo, não gravamos. Mas este é só começo de uma nova história", disse Marília Mendonça sobre o projeto na época do lançamento. 
Marília Mendonça deixa o filho Léo Dias Mendonça Huff, de quase 2 anos, fruto do relacionamento com o cantor e compositor Murillo Huff.