Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Para The Hives, não há "nada mais deprimente" que rock adulto

O rock deve ser cheio de "energia, mas sem direção," segundo Pelle Almqivst, vocalista do The Hives

por Heloísa Lisboa (@helocoptero) Publicado em 10/07/2023, às 12h28

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Pelle Almqvist, vocalista do The Hives (Getty Images)
Pelle Almqvist, vocalista do The Hives (Getty Images)

Pelle Almqvist, vocalista da banda sueca The Hives, afirmou que o rock deve ser um eterno adolescente. “Não há nada mais deprimente do que rock adulto [...]. Eu realmente gosto de Dire Straits, essa é minha imagem de uma situação de rock adulto, mas não acho que é isso que deveríamos estar fazendo,” disse em entrevista ao NME. “Muita energia, mas sem direção - isso é rock ‘n’ roll,” completou.

O grupo abriu os shows do Arctic Monkeys durante a turnê The Car no Reino Unido e na Irlanda. Para os suecos, que também já tocaram com AC/DC, é preciso atrair novos fãs para manter banda viva. “O que buscamos nesses shows são apenas fãs,” disse o guitarrista Nicholaus Arson.

The Hives lança novo álbum em 11 anos

O álbum The Death Of Randy Fitzsimmons (“A Morte de Randy Fitzsimmons” em tradução livre) é o primeiro do The Hives em 11 anos e deve ser lançado em 11 de agosto. O título faz referência à morte incerta do suposto mentor e co-compositor da banda de cinco integrantes.

O sumiço de Randy Fitzsimmons é a justificativa do hiato de mais de uma década do The Hives, segundo Almqvist.

“Quando conseguimos as músicas em meio a essa bagunça da morte de Randy Fitzsimmons e decidimos o que fazer, foram só quatro ou cinco semanas de estúdio e depois um ano de finalização,” disse. Randy Fitzsimmons é pseudônimo de Arson, de acordo com o NME.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!