Taylor Swift revela como conceito da versão de 10 minutos de ‘All Too Well’ surgiu; entenda

Taylor Swift explicou que a versão de 10 minutos de 'All Too Well' foi, na verdade, a original

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 15/11/2021, às 15h30

None
Taylor Swift (Foto: Jamie McCarthy/Getty Images)

No processo de regravar os seis primeiros discos para adquirir o direito de reprodução de suas músicas novamente, Taylor Swift lançou Red(Taylor's Version) nesta sexta, 12 de novembro. Entre as faixas do álbum, está uma versão de 10 minutos de "All Too Well," a qual ganhou um curta estrelado por Dylan O’Brien e Sadie Sink, escrito e dirigido pela cantora.

Em antecipação do lançamento, Swift deu entrevistas nos programas The Tonight Show Starring Jimmy Fallon e Late Night with Seth Meyers na quinta, 11 de novembro, e explicou como o conceito da versão de 10 minutos de "All Too Well" surgiu. A canção foi escrita há cerca de 10 anos, enquanto a cantora passava por um término difícil e ensaiava para a turnê do disco Speak Now (2010).

+++LEIA MAIS: Por que Taylor Swift escolheu Dylan O’Brien e Sadie Sink para o clipe de 'All Too Well'?

Swift contou a Jimmy Fallon como estava aprendendo a tocar violão na época, sabia poucos acordes e começou a improvisar com o restante da banda antes de começar o ensaio da setlist oficial dos shows. Quando os outros músicos se juntaram ao som, a artista começou a cantar e a canção improvisada continuou por cerca de 10 ou 15 minutos. Acabou, e voltaram para o cronograma normal.

A cantora de "I Knew You Were Trouble" e "Blank Space" conseguiu guardar a gravação graças à mãe, que perguntou ao engenheiro de som se havia registrado o momento, de acordo com informações da Billboard. "A versão de 10 minutos de 'All Too Well' é a que foi originalmente escrita para a música antes de eu precisar cortá-la para uma duração normal," explicou Swift.

+++LEIA MAIS: Taylor Swift é ‘amuleto da sorte’ do Corinthians? Entenda a relação da cantora com time de futebol