Akon criará 'Wakanda da vida real' no Senegal com 800 hectares e energia solar: entenda os planos para a 'Akon City'

O artista e magnata quer iniciar a construção da cidade em 2021

Redação Publicado em 02/09/2020, às 11h26

None
Akon City (Foto: Divulgação)

Akon revelou mais detalhes sobre os planos de construir uma “Wakanda da vida real”, projeto anunciado em 2018. De acordo com o The Guardian, o cantor norte-americano e senegalês quer criar uma cidade inteligente, ou seja, um município planejado, sustentável e tecnológico. 

Segundo o jornal, a construção da cidade tem o apoio do governo de Senegal e investidores - que não tiveram a identidade revelada - os quais vão financiar o investimento estimado em US$ 6 bilhões.

+++ LEIA MAIS: Akon revela imagens do projeto da Akon City, cidade que vai construir em Senegal, com economia totalmente baseada em moeda digital

O artista e magnata ainda pensa em transformar o projeto em uma franquia e criar outras cidades inteligentes na África para diminuir a dependência do continente dos países ocidentais. 

Akon ainda não compartilhou todos os detalhes do projeto, mas já revelou, de forma geral, alguns planos da “Akon City”. Com base nas informações do The Guardian, a Rolling Stone Brasil listou tudo o que sabemos sobre a cidade até agora. Confira: 

Localização e área 

No total, a cidade ocupará 800 hectares. A primeira fase do projeto começará em 2021 e construirá 55 hectares até 2023. Na última segunda-feira, 31, Akon revelou que colocou a primeira pedra da cidade em Mbodiène, uma vila localizada a quase mil quilômetros da capital Dakar.

+++ LEIA MAIS: Pantera Negra é um marco cultural impactante para o mainstream, além de um deleite para fãs de HQ


Tecnologia e sustentabilidade 

O músico quer desenvolver uma cidade planejada e sustentável, que utilizará a energia solar como recurso principal. Ele também anunciou que o município contará com resorts ecológicos.

+++ LEIA MAIS: Conheça o legado de Octavia Butler, autora do sensacional Kindred e madrinha do afrofuturismo


Planejamento urbano 

A Akon City terá um planejamento urbano e contará arranha-céus, shoppings e estúdios de música, segundo o The Guardian. Até o final da década de 2020, a cidade planeja alcançar os 500 hectares de terra, que incluirão ilhas artificiais e um porto da marinha.

+++LEIA MAIS: Chadwick Boseman, o Pantera Negra, é homenageado pelo elenco de Vingadores e outros astros de Hollywood


Objetivo social 

Akon quer criar uma cidade segura tanto para o senegaleses quanto para os norte-americanos que quiserem deixar o país natal por causa dos preconceitos raciais. 

“O sistema em casa [nos EUA] os trata injustamente de tantas maneiras diferentes que você nunca pode imaginar [...] E eles só passam por isso porque sentem que não há outro jeito. Se você está vindo da América ou Europa ou de outro lugar na diáspora e sente que deseja visitar a África, queremos que o Senegal seja sua primeira parada”, disse o músico.

+++ LEIA MAIS: A Revolução de Pantera Negra: a criação do filme de super-heróis mais radical de todos os tempos


Economia 

Uma das partes mais polêmicas da Akon City é a economia. O músico planejar criar a própria moeda oficial, a criptomoeda “Akoin”. Contudo, ela só poderia ser utilizada com por meio de smartphones. 

Isso tornaria a moeda inacessível para dois terços da população senegalesa, que não possui smartphones. Além disso, o planejamento econômico não considera os outros países que não possuem acesso à tecnologia.

+++ LEIA MAIS: Akon planeja concorrer à presidência dos EUA - e criar a própria Wakanda, país fictício do Pantera Negra


+++ DESAFIO! FREJAT ESCOLHE OS MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO