Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Rust

Alec Baldwin se declara inocente após novas acusações por acidente em set

O ator foi indiciado novamente no dia 19 de janeiro pelo assassinato da diretora de fotografia Halyna Hutchins, após novos promotores assumirem o caso

Alec Baldwin (Foto: Mike Coppola/Getty Images for Robert F. Kennedy Human Rights)
Alec Baldwin (Foto: Mike Coppola/Getty Images for Robert F. Kennedy Human Rights)

Após novas acusações, Alec Baldwin se declarou inocente do assassinato que tirou a vida da diretora de fotografia Halyna Hutchins, no set do filme Rust. Essa é a segunda vez que o ator se declara inocente, a primeira foi em fevereiro de 2023, mas os promotores do Novo México acabaram rejeitando as acusações contra o ator em abril de 2023, antes de ele ir a julgamento. 

Uma reviravolta aconteceu, no entanto, com uma troca na equipe de procuradores do caso. Um grande júri votou pela reabertura do processo e recomendou que o ator fosse indiciado por homicídio involuntário devido ao uso negligente de arma de fogo — o que não é um crime — ou homicídio involuntário sem a devida cautela, um crime de quarto grau.

+++LEIA MAIS: Alec Baldwin pode ser indiciado criminalmente pelo tiro no set de Rust

Baldwin foi indiciado pelo tiroteio pela segunda vez em 19 de janeiro. Se for condenado, o artista pode pegar até 18 meses de prisão. A armeira do filme, Hannah Gutierrez-Reed, também enfrenta acusações de homicídio culposo e adulteração de provas no acidente no set de 21 de outubro de 2021, onde Hutchins foi baleada e morta pela arma cenográfica que Baldwin estava usando, que também feriu o diretor Joel Souza enquanto ensaiava uma cena de Rust. Ela se declarou inocente das acusações.

David Halls, que trabalhou como assistente de direção na produção e entregou a arma ao ator, foi condenado a uma pena de seis meses em liberdade condicional não supervisionada como parte de um acordo judicial relacionado ao disparo. Os termos de sua sentença também incluem multa de US$ 500, 24 horas de serviço comunitário e aulas de segurança com armas de fogo sob a acusação de uso negligente de arma mortal.

+++LEIA MAIS: Novo relatório forense indica que Alec Baldwin teria puxado o gatilho durante gravação de filme