Ariana Grande teve a casa invadida após stalker violar ordem de restrição

Homem já tinha sido preso ao ameaçar a cantora de morte após entrar em sua mansão no ano passado, de acordo com TMZ

Redação Publicado em 29/06/2022, às 12h55

None
Ariana Grande (Foto: Divulgação)

Ariana Grande teve a casa invadida pelo mesmo homem que a perseguiu em setembro do ano passado. De acordo com informações do TMZ, o stalker violou a ordem de restrição e entrou no domicílio no dia 26 de junho, aniversário de cantora.

Segundo a reportagem, Grande não estava em casa no momento que Aharon Brown teria invadido a casa da cantora em Montecito, na Califórnia, Estados Unidos. Os alarmes de segurança dispararam e a polícia apareceu.

+++ LEIA MAIS: Ariana Grande diz ainda não estar pronta para começar novo álbum; entenda o motivo

Essa não seria a primeira vez que Brown se aproximava de Grande, pois segundo a artista ele a persegui a sete meses. Ainda de acordo com TMZ, a polícia foi chamada ao local e ele fugiu a pé, enquanto as autoridades ordenavam que ele parasse. Brown deveria se apresentar à corte nesta terça-feira, 28, por entrar na casa de Grande em setembro do ano passado.

Na ocasião, Brown entrou na residência da artista e portava uma faca de caça, procurando-a e gritando para um segurança que mataria ele e Ariana. Brown foi preso por ameaças e um juiz expediu a ordem de restrição. Ainda assim, ele tentou mais uma vez se aproximar da cantora.

+++ LEIA MAIS: Por que a Ariana Grande só é vista de ‘rabo de cavalo’?

Sob custódia, Brown foi acusado de perseguição, roubo, danos a linhas de energia, violação de ordem judicial e obstrução. Ele se declarou inocente.


Ariana Grande

Ariana Grande ganhou os holofotes ao interpretar Cat Valentine no seriado Victorious (2010), da Nickelodeon. Pouco tempo depois, passou a se dedicar a carreira como cantora, realizando apenas pequenos trabalhos como atriz. Grande tem seis discos, incluindo Sweetener (2018), vencedor de Melhor Álbum Pop no Grammy 2019. 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Ariana Grande (@arianagrande)