Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Sexualidade

Billie Eilish sobre sentir atração por mulheres: 'Não era óbvio?'

Durante entrevista à Variety, Billie Eilish explicou como não 'acredita' em se assumir, mas confessou como 'fico nervosa ao falar sobre isso'

Billie Eilish (Foto: Mike Coppola/Getty Images)
Billie Eilish (Foto: Mike Coppola/Getty Images)

Após o lançamento do disco When We All Fall Asleep, Where Do We Go? (2019), Billie Eilish se tornou uma das principais cantoras dos últimos anos e lançou outro disco e músicas de bastante sucesso. Recentemente, ela se abriu sobre a própria sexualidade e revelou como não é heterossexual, e aproveitou para brincar como era "óbvio" que ela faz parte da comunidade LGBTQIA+.

Durante entrevista à Variety no tapete vermelho do evento Variety's Hitmakers, a cantora comentou essa decisão após ser questionada se pretendia se assumir. "Não, mas pensei, não era óbvio? Eu não sabia que as pessoas não sabiam," respondeu.

+++LEIA MAIS: A 'música mais estúpida do mundo', segundo Billie Eilish

Vale lembrar como a música "What Was I Made For," parte da trilha sonora original de Barbie (2023), foi homenageada com o prêmio de canção de filme do ano com o irmão dela, Finneas. Em seguida, Eilish explicou como ainda que não "acredita" em se assumir.

"Eu simplesmente não acredito nisso. Eu fico tipo, por que não podemos simplesmente existir? Faço isso há muito tempo e simplesmente não falei sobre isso," disse. "Opa. Mas… eu vi o artigo e pensei, ‘Oh! Acho que me assumi hoje!'"

É emocionante para mim porque acho que as pessoas não sabiam, então é legal que elas saibam. Mas, ah, fico nervosa ao falar sobre isso. Eu sou a favor das meninas.

+++LEIA MAIS: Billie Eilish responde verso de Lil Yachty sobre seios dela


Billie Eilish revela dificuldade em se identificar com mulheres: 'Me sinto intimidada'

Billie Eilish admitiu como tem dificuldade em lidar com a própria feminilidade, em entrevista à Variety (via People). "Eu me identifico com os pronomes ela/dela e tudo mais, mas nunca me senti realmente como uma garota", confessou.

Nunca me senti como uma mulher, para ser sincera. Nunca me senti desejável. Nunca me senti feminina. Tenho que me convencer de que sou uma garota bonita.

Ainda que tenha problemas para se "identificar com garotas", Eilish afirmou que sente atração por outras mulheres: "Eu amo tanto mulheres. Eu as amo como pessoas. Sou atraída por elas como pessoas. Sou atraída por elas de verdade."

Tenho conexões profundas com mulheres em minha vida, as amigas na minha vida, a família na minha vida... Sou fisicamente atraída por elas. Mas também me sinto intimidada por elas e pela beleza e presença delas.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!