Exclusivo: no Estúdio RS, Jair Rodrigues disse que "Disparada" foi a música da vida dele

Cantor morreu nesta quinta, 8, aos 75 anos

Redação Publicado em 08/05/2014, às 13h23 - Atualizado às 13h44

Jair Rodrigues - Estúdio RS
Reprodução/Vídeo

Jair Rodrigues passou pelo Estúdio RS em meados de 2012 para mostrar duas de suas mais famosas canções: "Deixa Isso pra Lá" e "Disparada".

Cantor Jair Rodrigues morre aos 75 anos.

"Essa música foi o primeiro rap gravado no mundo", ele contou sobre "Deixa Isso pra Lá". "Quando eu fui para o festival de Montreux, na Suíça, o Herbert Vianna também estava lá, com os Paralamas do Sucesso. E ele me deu essa informação, que eu seria o pai do rap. Eu falei: 'Eu sou pai do Jairzinho, da Luciana, que diabo de filho que você quer arrumar para mim, rapaz?' Ele disse: 'Na verdade, é um ritmo que está surgindo, e o primeiro versador desse lance é você'." Veja no vídeo abaixo:

Galeria: a vida e a obra de Jair Rodrigues em fotos.

Sobre o clássico "Disparada", composição de Geraldo Vandré e Théo de Barros, ele foi categórico. "Eu defendi essa música em um festival feito pela TV Record em 1966. Ela acabou sendo a música da minha vida."

Entrevista: Jair Rodrigues conta por que Herbert Vianna disse que ele era o "pai do rap".

Vídeos: no Estúdio RS, Jair Rodrigues cantou e disse que "Disparada" foi a música da vida dele