Kevin Spacey deve pagar US$ 31 milhões à produtora de House of Cards

Após acusações de abuso sexual contra Kevin Spacey, House of Cards foi cancelada

Redação Publicado em 05/08/2022, às 14h54

None
Kevin Spacey. (Foto: Youube/reprodução)

Kevin Spacey deve pagar US$ 31 milhões em indenização (cerca de R$ 161 milhões na cotação atual) à produtora da série House of Cards (2013), cancelada em 2018.

Spacey fez parte do elenco como protagonista entre 2013 e 2017 e foi cortado da produção após inúmeras acusações de abuso e assédio sexual. Em novembro de 2021, o ator já havia sido condenado a pagar indenização por quebra de contrato, no entanto, solicitou à justiça que anulasse a decisão.

+++ LEIA MAIS: Blonde: Trailer, enredo e tudo o que sabemos sobre cinebiografia de Marilyn Monroe [LISTA]

No entanto, o juiz do tribunal superior de Los Angeles, ratificou a decisão na última quinta-feira, 4. O ator nega todas as acusações.


Acusações

Em 2017, Spacey viu sua carreira ir ladeira abaixo após acusações de agressões sexuais nos Estados Unidos, retiradas posteriormente. Na época, o ator estrelava a série House of Cards (2013) e foi cortado do elenco. 

Em maio deste ano voltou a ser acusado em Londres de agressões sexuais contra três homens. Segundo a Variety, acredita-se que algumas das acusações são de o quando ator trabalhava como diretor artístico no teatro Old Vic de 2004 a 2015.

+++ LEIA MAIS: Blonde: Ana de Armas é 'atraente’ e ‘convincente' como Marilyn Monroe, revela Adrien Brody

Kevin Spacey também foi cortado do filme 1242: Gateway to the West após novas acusações de abuso sexual na Inglaterra. Segundo divulgado pela Variety, o produtor do filme Bill Chamberlain substituiu o ator logo que recebeu quatro acusações de agressão sexual e uma de "causar um crime."

+++LEIA MAIS: Rage Against the Machine: Fãs ficam chocados ao descobrirem que a banda fala de política

 Ele será julgado no Reino Unido em 6 de junho de 2023, com duração prevista de três a quatro semanas.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Kevin Spacey (@kevinspacey)