O dia que Amy Winehouse foi presa por bater em dois homens em um bar [FLASHBACK]

Vencedora de cinco Grammys na época, cantora se entregou à polícia, mas foi presa de novo, duas semanas depois, por usar drogas em um vídeo

Gabriela Piva (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 07/05/2021, às 14h47

None
Amy Winehouse (Foto: AP Matt Dunham)

Amy Winehouse foi presa diversas vezes. Uma história de prisão muito conhecida da cantora aconteceu em 25 de abril de 2008 - 13 anos atrás. Bateu em dois homens em um bar de Camden, bairro londrino. De acordo com o G1, um foi atingido ao entrar na frente da artista e, outro, ao ajudá-la a conseguir um táxi. (As informações são do G1).

Alguns dias depois da briga, Amyse entregou às autoridades, levou uma advertência e foi liberada na manhã seguinte. Segundo a polícia informou na época, a situação não causou um processo judicial - o boletim de ocorrência apenas foi anexado à ficha. (Via G1).

+++LEIA MAIS: Ouça o potente e impactante vocal isolado de Amy Winehouse em 'Rehab'

Ainda de acordo com o site, duas semanas depois, no dia 5 de maio de 2008, Amy Winehouse foi presa novamente: desta vez, por usar drogas com o ex-marido, Blake Fielder-Civil, (ambos sofriam com dependência química) em um vídeo publicado por um tabloide britânico. Segundo a Reuters, a cantora prestou um depoimento de nove horas na delegacia para elucidar a ocasião. 

A série de detenções da artista começou em 2007, após a prisão de Blake por agredir e subornar o dono de um pub em Londres, Inglaterra. Apesar disso incentivar as prisões de Amy, os problemas com a polícia continuaram nos anos seguintes à soltura dele, em maio de 2008.

+++LEIA MAIS: 17 anos da estreia de Amy Winehouse: a história por trás da capa fascinante de 'Frank'

Exemplo disso foi um caso dela de 2010: foi condenada por agredir Richard Pound, o gerente de um teatro, após atrapalhar uma peça infantil do local. Se não cometesse outro crime, poderia responder à sentença em liberdade.

A artista morreu no dia 23 de julho de 2011. O laudo da morte constatou uma ingestão de álcool cinco vezes maior do que a taxa de permissão para dirigir na Inglaterra. Na época, lutava para combater a dependência química. 

+++ LEIA MAIS: Amy Winehouse se junta aos Rolling Stones em show histórico; relembre apresentação de 2007

Em 2015, o documentário Amy foi lançado. Dez anos após a morte da cantora, a estreia de um novo filme: 10 Years On. Segundo o NME, a história será contada pela perspectiva da mãe, Janis Winehouse

+++ MV BILL: 'A GENTE TEM A PIOR POLÍTICA DE GOVERNO PARA O PIOR MOMENTO' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL