Pânico, A Hora do Pesadelo e outras 3 continuações de filmes de terror que salvaram as franquias [LISTA]

Pelo sucesso das figuras arrepiantes, diversas franquias de filmes de terror foram produzidas ao longo das décadas

Redação Publicado em 16/09/2020, às 15h39

None
Pânico (Fotos: Reprodução)

O slasher é um dos gêneros mais incrível do horror. Pelo sucesso das figuras arrepiantes, diversas franquias de filmes de terror foram produzidas ao longo das décadas.

A cada longa, mais mortes bizarras e mais sustos (os famosos 'jumpscares') podem ser encontrados. Nesse cenário, algumas franquias se perdem nas histórias e o público prefere esquecer algumas produções. O desafio dos estúdios, então, é tentar lançar uma nova história para recuperar o brilho da franquia.

+++ LEIA MAIS: Conheça o estúdio que revoluciona o cinema de terror moderno com A Bruxa, Midsommar e Hereditário

Ao pensar nisso, o canal do Youtube WhatCulture Horror separou algumas continuações de filmes de terror que salvaram as franquias. Confira a lista selecionada:


Pânico 4 (2011)

Pânico 4, a última produção dirigida por Wes Craven, se pararmos para analisar, revelou um enredo cheio de subversão - o que originalmente levou a franquia ao sucesso. Ao longo da narrativa, somos apresentados a sátiras de remakes, o uso das mídias sociais e a obsessão pela fama na internet. O longa também voltou às raízes e revelou dois assassinos, em vez de apenas um.

+++ LEIA MAIS: Pânico 5? Clássico do terror precisa de mais uma continuação? Spoiler: não


Halloween (2018)

Com uma franquia - muito - extensa, Halloween (2018) mostrou o reencontro perigoso de Michael Myers e Laurie Strode. Para o longa, Nick Castle e Jamie Lee Curtis reprisaram os papeis icônicos, respectivamente.

Ao não considerar as produções anteriores, e apenas os eventos do filme original, Halloween (2018) acertou na fórmula.

+++ LEIA MAIS: É a volta dos mascarados? Clássicos do terror estão de volta na versão 2.0: Halloween, Pânico, Hellraiser e mais


A Hora do Pesadelo - Os Guerreiros dos Sonhos (1987)

Depois da morte de Wes Craven, os filmes da franquia não fizeram muito sucesso. Em A Hora do Pesadelo - Os Guerreiros dos Sonhos, porém, Chuck Russell apareceu para revitalizar a figura de Freddy Krueger e retomar a fórmula do filme original.

+++ LEIA MAIS: 40 anos de O Iluminado: como o filme influenciou todo o gênero de terror nos cinemas [ANÁLISE] 


A Noiva de Chucky (1998)

Sem muitas novidades, os filmes do Chucky não animavam mais o público nos anos 1990. Isso mudou com A Noiva de Chucky (1998), que trouxe uma abordagem mais divertida para o boneco assassino, sem se levar muito a sério.

+++ LEIA MAIS: A Evolução do Estereótipo das Mulheres nos Filmes de Terror, de Psicose a O Homem Invisível


Premonição 5 (2011)

Quando o quarto longa chegou aos cinemas, a fórmula de apresentar diversas mortes estranhas não funcionou tanto. No entanto, quando Premonição 5 estreou, a história se renovou e, em uma reviravolta chocante, o roteiro da produção conseguiu conectar a franquia inteira.

+++ LEIA MAIS: Além dos clássicos: 8 filmes recentes de terror tão bons quanto os antigos - Corra!, A Bruxa e It: A Coisa


+++ BK' lança novo disco e fala sobre conexão com o movimento Vidas Negras Importam: 'A gente sabia que ia explodir'