Primeiras críticas de Viúva Negra elogiam Scarlett Johansson e Florence Pugh: 'alegria total', 'emocionante' e 'ações ótimas'

Por outro lado, Scott Menzel, do WeLiveEntertainment, criticou: 'Johansson tenta, mas o roteiro, o ritmo e o desenvolvimento pobre da personagem afundam o filme'

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 18/06/2021, às 12h52

None
Cena de Viúva Negra (Foto: Reprodução/Marvel Studios/Disney)

Viúva Negra, filme do Universo Cinematográfico Marvel (MCU), estreia nos cinemas apenas em julho de 2021, mas as primeiras críticas de jornalistas foram reveladas ao público. Em boa parte das análises, a produção foi elogiada pelas atuações de Scarlett Johansson e Florence Pugh, cenas de ação e emoção.

Segundo Devan Coggan, da EW, o filme "é uma alegria total e ficou ainda melhor ao experimentar todas as risadas, suspiros e emoções com outras pessoas [na sala de cinema]. Além disso, Florence Pugh arrasa demais." A jornalista recomendou assistir no cinema.

+++LEIA MAIS: Como Scarlett Johansson se sente ao dar adeus a Viúva Negra?

"Como alguém que está esperando desde 2010 para ver Natasha Romanoff conseguir o próprio filme, valeu a pena esperar," afirmou Hector Navarro, do Nerdist e Heroes Reforged. "As ações são ótimas, a emoção bate e os novos personagens se juntando ao MCU são destaques. MAIS FILMES DE VIÚVA NEGRA, POR FAVOR!"

Para Nora Dominick, do Buzzfeed, a produção é um dos melhores filmes de origem do MCU: "Há algo em ver Natasha finalmente entender a própria história. Me emocionou das melhores maneiras. Além disso, Florence Pugh nasceu para o universo Marvel, e a dinâmica dela com Scarlett é um triunfo."

+++LEIA MAIS: Como Viúva Negra vai corrigir sexualização da personagem? Scarlett Johansson explica

Por outro lado, Scott Menzel, do WeLiveEntertainment, não gostou das propostas de Viúva Negra. "É tão decepcionante," escreveu. "Scarlett Johansson tenta, mas o roteiro, o ritmo e o desenvolvimento pobre da personagem afundam o filme. Começa promissor, mas no segundo ato se torna uma bagunça desarticulada e desigual. Genérico, sem inspiração e, em última análise, sem a magia da Marvel."


+++ URIAS | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL