Jade Thirlwall, do Little Mix, critica Noel Gallagher: 'Nem sequer é o artista mais bem sucedido da família'

Noel Gallagher, ex-Oasis, criticou o Little Mix pela vitória de no BRIT Awards 2021 e recebeu uma alfinetada de uma das integrantes

Redação Publicado em 16/09/2021, às 18h42 - Atualizado em 17/09/2021, às 08h20

None
Jade Thirlwall (Foto: Tristan Fewings/Getty Images) / Noel Gallagher (Foto: Samir Hussein/Getty Images)

Em maio de 2021, o grupo pop Little Mix fez história no BRIT Awards 2021 ao vencer o prêmio Best British Group — as integrantes representaram a primeira banda feminina a conquistar a vitória. Contudo, o título incomodou algumas pessoas da indústria musical, como o ex-Oasis Noel Gallagher.

Famoso por "Wonderwall", o Oasis ganhou o mesmo prêmio em 1996 e, para Gallagher, os dois grupos não são nada comparáveis, de acordo com informações do Pop Online.Little Mix, com o maior respeito, não está no mesmo que o Oasis. Nem mesmo no mesmo esporte. É um sintoma da indústria da música em busca de números," disse em entrevista ao The Sun. O músico criticou as gravadoras e finalizou dizendo que "bandas de verdade dão mais trabalho."

+++LEIA MAIS: Noel Gallagher critica uso de celulares em shows: ‘1990 foi a última grande década da música’

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by jade amelia thirlwall (@jadethirlwall)

 

Meses mais tarde, uma das integrantes do Little Mix, Jade Thirlwall respondeu às críticas do ex-Oasis, também em entrevista ao The Sun: “Uma m****, na verdade, porque, você sabe, nós definitivamente somos o grupo feminino de maior sucesso no país, mas ele nem sequer é o artista mais bem sucedido da família." (via Revista Atrevida)

Na frase, referiu-se a Liam Gallagher, irmão de Noel, quem também protagonizou o grupo Oasis na década de 1990. Atualmente, após a separação em 2009, os dois não mantêm uma relação amigável e Liam obteve mais destaque na carreira solo — em 2017, lançou o primeiro disco solo, As You Were, que estreou em primeiro lugar nas paradas do Reino Unido e vendeu 100 milhões de cópias na primeira semana de vendas.

+++LEIA MAIS: Noel Gallagher esquece letras de música com frequência nos shows: 'Às vezes tenho que inventar uma m*rda'