Ney Matogrosso homenageia Elza Soares e relembra parceria em 'Tem que rebolar'

Após a morte de Elza Soares nesta quinta, 20 de janeiro, Ney Matogrosso relembrou colaborações com a cantora

Redação Publicado em 20/01/2022, às 20h39

None
Ney Matogrosso (Foto: Reprodução / Twitter) / Cantora Elza Soares (Foto: Reprodução / Twitter)

A cantora brasileira Elza Soares morreu nesta quinta, 20 de janeiro, no Rio de Janeiro (RJ), aos 91 anos. Vários outros artistas que compartilharam palcos e créditos de canções com a icônica vocalista publicaram homenagens nas redes sociais para relembrar os mais de 70 anos de carreira de Elza. Um deles foi Ney Matogrosso, que escreveu uma legenda acompanhada de um vídeo da música "Tem que rebolar": "Acabamos de perder a insubstituível Elza Soares!!!"

Na ocasião do vídeo em específico, Ney e Elza apresentam a canção para a gravação do CD "Casa de Samba," em um especial que foi exibido pelo canal Multishow em 1997. "Tem que rebolar" foi originalmente gravada por Elizeth Cardoso & Cyro Monteiro em 1966, e mais tarde reinterpretada pelos dois astros da Música Popular Brasileira. 

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Ney Matogrosso (@neymatogrosso)

 

+++LEIA MAIS: Zeca Pagodinho agradece e reverencia Elza Soares pela ‘vida e arte’ no samba

Elza e Ney lançaram, em 2021, a faixa "Demarcação Jazz" - um jogo com a música de Chico César, "Demarcação Já" — da qual o cantor também participou. A faixa com a sambista tem uma capa de Ziraldo, e advoca pelos direitos dos povos indígenas brasileiros — um manifesto sobre a ameaça da história, crises políticas, sanitária e ambiental às quais são submetidos. A gravação foi uma parceria com DJ MAM e Rodrigo Sha, do Duo Jazz Botânico.


Morte de Elza Soares

De acordo com informações da assessoria da artista, Elza Soares faleceu de causas naturais. Com voz marcante, mais de 30 discos e letras sobre racismo, feminismo e amor, tem uma contribuição inestimável para o repertório nacional. O comunicado oficial da equipe da cantora diz: "É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais."

+++LEIA MAIS: Elza Soares entrevista Titãs, Titãs entrevistam Elza Soares - e, juntos, lançam clipe para 'Comida' [EXCLUSIVO]

"Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação. A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim."

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Elza Soares (@elzasoaresoficial)