Olivia Rodrigo: da Disney ao protagonismo no Grammy 2022 com Sour

No primeiro ano de carreira, a cantora pop Olivia Rodrigo conquistou 7 indicações na premiação, sendo 4 nas categorias mais importantes

Isabela Guiduci Publicado em 23/11/2021, às 16h54

None
Olivia Rodrigo (Foto: Matt Winkelmeyer/Getty Images for MRC)

Brilhantemente, 2021 é o ano de Olivia Rodrigo. É inegável o que a cantora fez na música pop com apenas o disco de estreia, Sour, e, tudo isso, aos 18 anos de idade. No primeiro ano da carreira, além dos números e recordes, a artista recebeu um reconhecimento importante - e merecido: 7 indicações na maior premiação da indústria musical, o Grammy Awards.

Olivia Rodrigo chegou para ficar, impressionar a música pop e apresentar uma estética amada e certeira; isso acompanhado do desempenho vocal transbordante e emocionante da também compositora. A mescla de vulnerabilidades, sonoridades e identidade visual fez com que a cantora ganhasse o coração do público e da crítica rapidamente.

+++LEIA MAIS: Quem é Olivia Rodrigo: família, carreira, Sour, VMA e mais [LISTA]

Antes mesmo de iniciar a trajetória musical, a artista começou a carreira no mundo do entretenimento com a Disney quando assinou com a emissora em 2015. No ano seguinte, estrelou a série de comédia Bizaardvark e, em 2019, passou a dar vida a Nina "Nini" Salazar-Roberts em High School Musical: The Musical: The Series, série exclusiva do Disney+.

Em 2021, iniciou uma fase musical avassaladora. A era de Sour foi (e segue sendo) intensa - reflexo da lírica sincera da cantora, quem aposta nas composições autorais para construir a discografia. O momento musical começou em janeiro com o lançamento do hit "drivers license," que bateu recordes impressionantes e conta com mais de 300 milhões de visualizações no clipe oficial disponível no YouTube. 

+++LEIA MAIS: Olivia Rodrigo ecoa dores de romances trágicos e desfruta da estética do bedroom pop em Sour [REVIEW]

Posteriormente, a cantora divulgou o single "deja vu" e continuou, gradualmente, ganhando os holofotes mundiais. O outro pico da carreira veio com o hit "good 4 u," o qual foi lançado junto de um videoclipe memorável em maio. Com direção de Petra Collins, o vídeo é repleto de referências de filmes clássicos do universo do terror. 

Pouco depois do terceiro single, a estrela pop compartilhou oficialmente Sour. Com uma era construída a partir de uma fortíssima identidade visual, o disco de estreia ganhou ainda mais significados. O início da carreira de Olivia Rodrigo é potente - e as indicações ao Grammy Awards 2022, anunciadas nesta terça, 23 de novembro, apenas reforçam isso. 

+++LEIA MAIS: Todas as referências de 'Good 4 u', novo clipe de Olivia Rodrigo: Garota Infernal, O Teste Decisivo e mais [LISTA]

No primeiro ano de carreira, a sensação pop é uma das protagonistas da próxima edição da premiação com sete indicações, sendo quatro nas principais categorias: Álbum do Ano com Sour, Gravação do Ano e Música do Ano por "drivers license," e Artista Revelação

Além das categorias acima, Olivia Rodrigo foi indicada à categoria de Melhor Performance Solo de Pop por "drivers license," em Melhor Álbum Pop Vocal por Sour, e em Melhor Videoclipe por "good 4 u."

+++LEIA MAIS: As 5 melhores músicas de Sour, disco de estreia de Olivia Rodrigo, segundo a crítica [LISTA]

De fato, Rodrigo já era uma das principais apostas do Grammy Awards 2022 e é uma forte concorrente, especialmente em Artista Revelação. Agora, resta esperar a cerimônia, que acontece no dia 31 de janeiro, para saber quantas estatuetas a jovem cantora leva para casa.