Pulse

Acordo entre Marvel e Sony pode acabar se Homem-Aranha: Longe de Casa não atingir US$ 1 bilhão

Caso ultrapasse US$ 1 bilhão, a Marvel poderá produzir um terceiro filme do personagem

Redação Publicado em 11/07/2019, às 12h01

None
Homem-Aranha: Longe de Casa (Foto: Divulgação)

Homem-Aranha: Longe de Casa já estreou nos cinemas brasileiros. O novo filme, que tem os direitos divididos pela Sony e pela Marvel, pode voltar a ser exclusivo de só um estúdio caso não atinja o marco de US$ 1 bilhão na bilheteria mundial. 

+++ LEIA MAIS: Homem-Aranha: Longe de Casa é ótimo quando esquece que é um "filme de super-herói" [ANÁLISE]

A informação foi divulgada pelo jornalista Richard Rushfield, que revelou detalhes sobre o acordo entre as duas produtoras. "O acordo original sobre o Homem-Aranha da Marvel/Sony é que caso o filme ultrapasse US$ 1 bilhão, a Marvel poderia produzir um terceiro. Senão, o controle total reverteria para Sony".

+++ LEIA MAIS: Homem-Aranha: Longe de Casa: 9 easter eggs que você pode ter deixado passar

Até o momento, Homem-Aranha: Longe de Casa acumulou US$ 588 milhões em sua primeira semana em cartaz.

+++ SESSION ROLLING STONE: Cynthia Luz acredita no amor puro com "Não Sou Sem Nós"