Apartamento de luxo em que Freddie Mercury passou os últimos meses de vida será leiloado

Antes de se isolar na mansão Garden Lodge, na Inglaterra, o cantor morou na Suíça

Redação Publicado em 08/10/2020, às 09h42

None
Freddie Mercury (Foto: Legacy / Media Punch)

O apartamento em que Freddie Mercury viveu os últimos meses de vida será leiloado, de acordo com informações do Observatório de Música. O vocalista do Queen adquiriu e morou no imóvel no mesmo ano em que morreu, 1991.

Antes de enfrentar as complicações mais graves da Aids e passar os últimos dias de vida na mansão Garden Lodge, na Inglaterra, Mercury se aventurou por Montreux, na Suíça, e comprou uma residência no edifício Les Tourelles. 

+++ LEIA MAIS: Por que motivo bizarro Freddie Mercury, Elton John e Rod Stewart nunca fizeram uma parceria?

Com vista para os Alpes e o lago Genebra, o apartamento conta com 2 quartos, casa de banho, sala de estar, terraço, adega e garagem. Foi neste cenário que Mercury compôs “A Winter’s Tale”. 

Contudo, o astro do rock deixou o imóvel e retornou para mansão britânica para passar os últimos dias de vida ao lado dos familiares e amigos. E o apartamento foi adquirido por um homem russo, que recentemente entrou em falência por causa de inúmeras dívidas.

+++ LEIA MAIS: Com cocaína, vinho e brigas: Como David Bowie e Freddie Mercury criaram Under Pressure

Com isso, a residência de luxo será leiloada pelo Ministério Público Distrital na cidade de Vevey, no dia 4 de novembro. De acordo com Observatório de Música, o laudo pericial do local aponta que o imóvel está avaliado em cerca de US$ 16 milhões. 


+++ TERNO REI: ‘ANTES DE LANÇAR, VOCÊ NUNCA SABE SE É BOM OU RUIM’ | ROLLING STONE