Autópsia de Prince é feita, mas resultado só deve ser divulgado em semanas

Autoridades locais vão aguardar exames toxicológicos para determinar causa da morte do cantor

Rolling Stone EUA Publicado em 22/04/2016, às 17h47 - Atualizado às 18h06

Em 2013, Prince realizou um show surpresa durante a festa de casamento do diretor de cinema George Lucas – consagrado por lançar a franquia Star Wars – com a empresária Mellody Hobson.
Barry Brecheisen/AP

A autópsia de quatro horas, feita para determinar a causa da morte de Prince, chegou ao fim na tarde desta sexta, 22. As autoridades, entretanto, informam que vão aguardar os resultados dos exames toxicológicos para determinar o que levou à morte do artista.

Um representante da agência responsável pelos exames disse ao site norte-americano TMZ que ainda as autoridades ainda estão coletando registros médicos do músico e do histórico médico da família de Prince para acrescentar mais detalhes à investigação.

“Nada será revelado até que tudo esteja completo”, disse uma assessora do escritório, Martha Weaver, ao Hollywood Reporter. “Nada pode ser divulgado se algo ainda está pendente”. Ela sugeriu que deve demorar semanas até que o veredito seja disponibilizado para a imprensa.

LEIA TAMBÉM

[Galeria] Relembre a carreira de Prince em fotos marcantes

[Flashback] Em 2004, Prince fez solo de guitarra impressionante no Hall da Fama

[Análise] Prince nunca esteve satisfeito – e sabotou a própria carreira por causa disso

Há uma semana, o avião que Prince viajava fez um pouso de emergência em Moline, Illinois (nos Estados Unidos), para que o artista pudesse ser levado às pressas a um hospital. Posteriormente, ele foi para casa e a causa da doença foi atribuída a uma gripe.

No dia seguinte, ele fez uma viagem até uma loja de discos local e comprou uma cópia de Talking Book, de Stevie Wonder. Ele também deu uma festa na mansão dele em Paisley Park. No Twitter, Prince anunciou que a celebração era uma maneira de “agradecer ao clima e a todo o amor e apoio.”

Mas na manhã da última quinta, 21, a polícia respondeu a um chamado médico no estúdio de Prince de Paisley Park. O músico foi encontrado morto no elevador quando as autoridades chegaram.