The Boys: 5 provas que a 2ª temporada é a melhor até agora

As duas temporadas da série estão disponíveis no Amazon Prime Video

Redação Publicado em 15/10/2020, às 15h03

None
The Boys (Foto: Reprodução/Amazon Prime Video)

A segunda temporada de The Boys finalmente foi completamente exibida e todos os episódios estão agora disponíveis no Amazon Prime Video. Como acontece com toda e qualquer série, existe a discussão entre os fãs sobre qual foi a melhor temporada.

Para ajudar a definir um ganhador, veja abaixo 5 provas que fazem da 2ª temporada de The Boys ser a melhor da série até agora (via Screen Rant).

+++LEIA MAIS: Irmão de Chris Hemsworth quer entrar para MCU como um dos heróis mais populares da Marvel

[Atenção: spoilers de The Boys abaixo]


Personagens femininas bem desenvolvidas

A primeira temporada de The Boys lidou muito bem com o desenvolvimento das personagens femininas. No entanto, o segundo ano da série levou isso para outros níveis acima.

Kimiko ganhou mais profundidade ao vermos parte da história de origem dela e toda história dela com o irmão. Nós também vimos toda angústia de Maeve, os motivos dela sempre passar pano para as ações de Homelander, a relação com Elena e a sexualidade dela. Além disso, a Starlight ganhou muito mais destaque e deixou de ficar apenas na defensiva.

Além disso, foram elas que conseguiram colocar a vilã Stormfront no lugar dela. As três lutaram contra a personagem de igual para igual enquanto Hughie, Francês e Leitinho apenas assistiam.


Vilã Diabólica

Apesar de não ser 100% fiel ao personagem dos quadrinhos, Stormfront seguiu uma história e um pano de fundo semelhantes ao original. Ela se mostrou implacável, asssim como nas HQs. 

No quesito do desenvolvimento da vilã, Eric Kripke, criador da série, o arco de Stormfront foi criado para manipular o sistema que usa das mídias sociais para aparecer como um influenciador progressivo.

As motivações más dela se camuflam com discurso feminista - e isso esconde a identidade de nazista, cruel e brutal dela. A personagem foi um desafio que os The Boys enfrentaram ao expor quem ela realmente é.


Motivação dos personagens secundários

Algo que a primeira temporada deixou bastante no ar foi o motivo de Leitinho e Francês trabalharem para Billy Bruto e sempre apoiarem ele em um trabalho literalmente mortal, cheio de explosão, sangue e tripas.

Durante toda trama do segundo ano, descobrimos o motivo de Leitinho lutar contra a Vought, assim como Francês. Além disso, é bastante possível se identificar com as dores e motivações de Maeve, que brilha nessa temporada.


Nós conseguimos entender e simpatizar com outros supers

Na segunda temporada de The Boys, a produção deu um foco maior para outros supers, e tiou um pouco de Bruto, Hughie, Leitinho, Francês e Kimiko. Com isso, nós conseguimos acompanhar mais a vida de personagens detestáveis como Profundo, Trem-Bala e Facho de Luz.

Por mais que Profundo tenha feito algo horrívem e imperdoável, o público conseguiu sentir um pouco de dó de toda situação dele fora dos Sete. E isso também aconteceu com os outros personagens citados acima


Final de temporada explosivo

Sem sombra de dúvidas, "WhatIKnow", último episódio da 2ª temporada, é um dos melhores da série até hoje. O capítulo conseguiu ser frenético a todo momento, superou as expectativas e foi de explodir cabeças - literalmente.

Teve surra na nazista Stormfront (graças a Starlight, Kimiko e Maeve), Homelander mais surtado ainda e crise na Vought. O final da temporada também teve alguns dos maiores choques e momentos mais tristes: a revelação de Victoria Neuman e a morte de Becca.


+++ OROCHI | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL