Danilo Gentili revela que Bolsonaro pediu demissão dele e censura no SBT: ‘Tomei processo por defendê-lo e esse ‘fdp’ foi pedir minha cabeça’

Apresentador já entrevistou o político no The Noite

Redação Publicado em 09/07/2020, às 09h53

None
Danilo Gentili (Foto: Divulgação)

Na última quarta, 8, o apresentador e humorista Danilo Gentili foi responder comentários de uma publicação de uma postagem no Instagram e revelou que Jair Bolsonaro pediu demissão dele e censura no SBT, canal no qual apresenta o programa The Noite (via Catraca Livre).

Uma ex-seguidora do apresentador comentou no post mais recente dele: "Olha, Danilo, parei de seguir você nesse momento! Você foi defendido pelo cara e agora desejou que esse mesmo cara morresse! Nem para nosso pior inimigo desejamos o mal. Lamentável! Viva bem! Vida longa!".

+++LEIA MAIS: Kanye West vive crise grave de bipolaridade e preocupa família após anunciar candidatura à presidência dos EUA

Esse foi o um de vários comentários contra o apresentador. Essas críticas surgiram após Danilo Gentili fazer uma piada no Twitter quando Bolsonaroanunciou ter contraído o novo coronavírus. "Covid-19 foi a primeira coisa positiva que o atual presidente apresentou até o momento", escreveu.

Em resposta àquela ex-seguidora, Gentili escreveu: "Fui defendido por ele uma ova! Saiba você que tomei processo por defendê-lo e esse 'fdp' foi lá pedir minha cabeça e censura no meu emprego quando critiquei o Fundão Eleitoral (e seu filho usa rede de difamação contra mim)".

+++LEIA MAIS: Paris Jackson revela compulsão alimentar, automutilação e tentativas de suicídio após a morte de Michael Jackson

Danilo Gentili ainda falou de Jair Bolsonaro ser "um mentiroso" e ele ainda "mentiu muitas coisas, e que defende a liberdade de expressão foi outra mentira. Esse pisco[pata] não me engana mais". O apresentador publicou essa conversa no Twitter. "Passem os recadinhos pros grupinhos de vocês - podem continuar fazendo isso, não vou parar", publicou.


+++ RAEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO