Dono de gravadora achou que Liam Gallagher era ‘traficante de drogas’ no primeiro encontro com o Oasis; entenda

"As bandas em 1993... elas não se vestiam bem como Liam Gallagher", disse Alan McGee

Redação Publicado em 26/02/2020, às 13h45

None
Liam Gallagher no Festival Glastonbury. (Foto: Joel C Ryan / AP)

Alan McGee, chefe da Creation Records, conta que, quando conheceu Liam Gallagher, pensou que o cantor era traficante, e não o líder do Oasis

+++LEIA MAIS: Há 17 anos, Liam Gallagher teve dentes da frente "arrancados com alicate" por polícia Alemã

Assim que os irmãos Gallagher abriram o show do 18 Wheeler em Glasgow, no Reino Unido, ao lado de Paul 'Bonehead' Arthurs, Paul 'Guigsy' McGuigan e Tony McCarroll, McGee soube que eles fariam sucesso.

"Eu não conhecia os Gallaghers", disse o executivo. "Eu conheci Noel uma vez no Reading Festival, porque ele saía com uma garota da minha gravadora, e eu apertei a mão dele."  

+++ LEIA MAIS: Noel Gallagher diz que Oasis nunca vai voltar por causa do Twitter de Liam

"Ele ainda não era o 'Noel Gallagher' na época - ele era Noel, o roadie dos Inspiral Carpets com um cabelo de tigela. Ele era assim em 1989", continuou.

Tendo viajado a Glasgow para ver Debbie Turner, McGee se deparou com os irmãos Gallagher, e diz que Liam, em particular, tinha um poder de estrela imparável. "Eu fui ver Debbie e acabei sendo presenteado como Oasis", disse McGee.

+++ LEIA MAIS: Há 10 anos, o fim do Oasis chegou depois de uma briga intensa entre Liam e Noel Gallagher 

"Eu olhei e Liam estava sentado no sofá. Ele parecia uma versão bonita de George Harrison, com um agasalho azul da Adidas. Ele tinha 19 ou 20 anos e parecia absolutamente deslumbrante, ótimo, como uma estrela do rock. Mas eu, cínico que sou, pensei: 'bem, ele deve ser o traficante de drogas'."

"Bandas em 1993... elas não se vestiam bem como Liam Gallagher", explicou ele.

 


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA