Explicamos o final confuso de ‘Os Órfãos’, novo filme de terror com Finn Wolfhard

Um filme com dois finais mais confunde do que explica - mas isso tem motivo

Yolanda Reis Publicado em 30/01/2020, às 19h17

None
Finn Wolfhard e Brooklynn Prince em Os Órfãos (Foto: Divulgação ; Universal)

Os Órfãos, novo terror com Finn Wolfhard (Stranger Things), estreou nos cinemas nesta quinta, 30. Mostra a história de uma professora Kate (Mackenzie Davis) saindo de uma escola para ser tutora particular de uma menina de sete anos, Flora (Brooklynn Prince) - em uma mansão sombria e cheia de casos bizarros. Lá também mora Miles (Finn Wolfhard), irmão mais velho da menina. 

Tudo certo, até aí. Mas o final desalinha tudo, pois o que acontece que o final é bem aberto e potencialmente confuso… Eles morrem? Não morrem? As crianças estão bem? A casa é assombrada?

+++ LEIA MAIS: Nós, Midsommar e mais: os 10 melhores filmes de terror de 2019, segundo Rolling Stone EUA [LISTA]

Boa parte da confusão é porque Os Órfãosnão tem um final. Tem dois; por isso, nenhum, pois não sabemos qual é o certo. As possibilidades são duas: a casa era assombrada ou a babá Kate era doida de pedra. Qual desses é verdade? Explicamos:

Final número um - fantasmas

Este é um final mais clássico para filmes de terror. Nele, Kate descobre que o ex-caseiro Quint tinha abusado da ex-babá Jessel. A mulher tentou fugir, ele a matou. Depois, raivosa com a situação, a governanta da família, Sra. Grose, mata Quint. E o fantasma dos dois começa a assombrar a casa, principalmente Kate. 

+++ LEIA MAIS: Os 7 piores filmes da Netflix, segundo os assinantes - e é claro que tem filme do Adam Sandler na lista [LISTA]

A nova babá, então, descobre tudo o que aconteceu. Assustada com o fantasma - que chega a matar Sra. Grose - pega as crianças, coloca-as no carro e foge para as colinas. Tudo como previsto pelos desenhos da mãe de Kate, a quem todos acreditam ser louca.


Final número dois - doidera

+++ LEIA MAIS: Os 9 filmes de terror mais subestimados dos últimos 5 anos [LISTA]

Depois de apresentar o final, o filme para e rebobina a fita. Volta para a parte em que Kate recebe os desenhos da sua mãe pelo correio. Mas, agora, Kate não foge. Ela confronta Miles e Flora sobre os fantasmas da casa, dizendo que eles sabiam de tudo - mas as crianças não sabiam de nada porque nada disso aconteceu. Ela termina no hospício ao lado da mãe.


Qual final é verdadeiro?

Muito provavelmente não há, exatamente, um final verdadeiro - já que, como Wolfhard e Prince contaram ao CinePOP, eles filmaram diversos finais alternativos. Na verdade, nem souberam qual foi o escolhido até assistir ao filme.

+++ LEIA MAIS: Perfeitas para maratonar: 10 séries incríveis com menos de 5 temporadas 

Mas se for para apostar, a teoria mais certeira é de que Kate ficou, de fato, doida. Isso faz sentido pois é o segundo a ser apresentado - e o final anterior, no qual ela salva as crianças, só teria acontecido na cabeça dela.


Mas o que diz o livro:

Os Órfãos é baseado no livro A Outra Volta do Parafuso, do escritor inglês Henry James. Publicada em 1898, a novela não demorou a virar um clássico da literatura - e logo depois, um dos queridinhos do cinema, arrecadando um tanto de adaptações (nove filmes, ao todo). 

+++ LEIA MAIS: Para maratonar no final de semana: 16 séries com 10 episódios ou menos na Netflix [LISTA]

São muitos finais alternativos, mas o do livro é um dos menos confusos: a casa é claramente assombrada pelos fantasmas de Quentin e Jessel, e os dois querem matar as crianças. A babá Kate consegue liberar Flora das mãos malvadas da mulher, mas Miles é assassinado por Quentin. Há teorias de que a Kate do livro também estaria louca - mas nada oficial. 

 +++ MELHORES DISCOS BRASILEIROS DE 2019 (PARTE 2), SEGUNDO A ROLLING STONE BRASIL