Grammy 2021: 4 motivos pelos quais The Weeknd merecia pelo menos uma indicação

Mesmo com um ano icônico na carreira, o cantor canadense não foi indicado a nenhuma categoria da premiação

Camilla Millan I @camillamillan Publicado em 24/11/2020, às 18h18

None
The Weeknd (Foto: Reprodução/Instagram)

O ano de 2020 foi incrível na carreira do The Weeknd. Com o elogiado disco After Hours lançado em março, que apresenta faixas icônicas e clipes inacreditáveis, o cantor canadense merecia, ao menos, uma indicação ao Grammy 2021 - mas isso não aconteceu, como anunciado nesta terça, 24.

+++LEIA MAIS: 5 músicas incríveis de After Hours, disco do The Weeknd esnobado pelo Grammy 2021

Para a perplexidade de muitos fãs e críticos, The Weeknd foi deixado de lado da premiação - indicando, mais uma vez, como o Grammy, muitas vezes, não leva em consideração a qualidade de trabalhos artísticos.

Além disso, várias categorias da premiação revelam como o Grammy não abandona antigos hábitos racistas, mesmo sob o selo da “diversidade”. Outro exemplo que também pode ser citado é o impensável número de 1 indicação para o BTS

+++LEIA MAIS: Grammy 2021: BTS merecia muito mais do que apenas 1 indicação - e provamos isso

Diante de todas essas problemáticas, a Rolling Stone Brasil separou 4 motivos pelos quais The Weeknd merecia levar, pelo menos, uma indicação (se não o próprio prêmio) do Grammy 2021.

Qualidade musical

After Hours foi lançado no início de 2020 com elogios de fãs e críticos - e não foi à toa. A mistura de dance music e R&B fez do disco um ícone dançante de 2020. As letras, por vezes sombrias, concretizam o talento de Abel com a composição, assim como a habilidade de surpreender o ouvinte.

Como escreveu a Variety, a dúvida sobre After Hours se encaixar na categoria R&B ou Pop pode ser sido um problema, contudo, o cantor canadense merecia ao menos uma indicação ao Grammy, seja para Melhor Álbum de Pop, R&B ou Álbum do ano. Entretanto, como já é um hábito da premiação, são raros os artistas negros a serem nomeados na categoria pop - o que pode ter dificultado injustamente a indicação do músico. 

+++ LEIA MAIS: The Weeknd rompe parceria com loja de roupas após considerar publicidade racista

Considerando o talento musical do artista, a categoria de Melhor Performance também poderia ser uma das alcançadas pelo cantor, uma vez que a qualidade vocal dele nas faixas é inegável - e o fato de nenhum single ter sido indicado também permanece como uma surpresa.


Números 

Sem dúvidas sobre a qualidade do trabalho de The Weeknd, outro ponto pode provar como o músico merecia mais indicações: a popularidade. Algumas canções do artistas tinham tudo para receber indicações, e um dos motivos são os números alcançados. 

Com o lançamento de After Hours, o artista alcançou uma marca inédita nas paradas da Billboard, na liderança simultânea do ranking Billboard 200, Billboard Hot 100, Billboard Artsit 100, Hot 100 Songwriters e Hot 100 Producerscharts.

“Blinding Lights” está há 39 semanas no Top 10 do ranking Billboard Hot 100. A faixa chegou ao 7º lugar na Billboard Global 200 em agosto, e também segue na 25ª semana no 1º lugar no ranking de R&B.

+++LEIA MAIS: The Weeknd é o primeiro artista a ficar no topo de 5 paradas diferentes ao mesmo tempo


Visual dos clipes

É inegável que The Weekend  inovou em clipes sombrios de arte e visuais incríveis. Com os lançamentos dos vídeos, o músico contou uma história que, para muitos, culminaria na premiação do Grammy 2021 de Melhor Clipe.

A estética sangrenta com resquícios de loucura saiu dos clipes e foi para o tapete vermelho. Em eventos, o músico fez questão de mostrar como estava mergulhado no visual dos lançamentos do ano. Contudo, o famoso terno vermelho, nariz sangrento e óculos escuros passaram despercebidos pelo Grammy.

Ainda, as críticas ferozes nos clipes do músico, como à fetichização do corpo preto em “Alone Again”, mereciam um crédito. The Weeknd pensou brilhantemente o conteúdo dos vídeos, passando pelas filmagens em Las Vegas em “Blinding Lights” e “Heartless”, a animação em “Snowchild” e o perturbante “In Your Eyes”.

+++LEIA MAIS: The Weeknd temeu ser ‘insensível’ ao lançar disco After Hours durante a pandemia do coronavírus e explica por que mudou de ideia


Talento e apresentações

O talento de The Weeknd é inegável, tanto visualmente quanto musicalmente - e o esforço do artista precisa ser considerado. Como já foi dito, ele se empenhou muito para trazer o visual dos clipes para a vida real - e isso é notável nas apresentações realizadas ao longo da pandemia. 

Sabemos que as apresentações não possuem categorias no Grammy, por mais icônicas que sejam. Contudo, The Weeknd realizou performances incríveis que comprovam toda a genialidade e talento já mencionados. 

+++ LEIA MAIS: Elton John ‘ficou extasiado só por fazer parte’ do novo disco do The Weeknd com ‘Your Song’

Mesmo em meio à pandemia, The Weeknd fez história com algumas performances icônicas - e certamente uma delas foi no MTV Awards, em agosto de 2020. Ela é, de fato, arrepiante. Cantando no topo de um prédio em Nova York, o músico abriu a premiação com uma vista fenomenal e uma produção arrebatadora com helicópteros e muitos fogos de artifício.

Em 22 de novembro de 2020, o cantor canadense realizou outra apresentação lendária de “Save Your Tears” e “In Your Eyes” em meio à rua, fogos e um visual surpreendente com o rosto coberto por gases. Nesta terça, 24, também foi publicada a apresentação ao vivo do músico em parceria com Kenny G na Vevo Official Live Performance. 

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ FROID: 'QUERO CHEGAR A UM NÍVEL POPULAR' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL