Pulse

Kanye West quase abandonou carreira no rap: "Essa é a música do diabo"

Em nova entrevista, o pastor Adam Tyson revelou que o artista "foi salvo" pelo cristianismo

Redação Publicado em 21/10/2019, às 13h50

None
Kanye West (Foto: Amy Harris/Invision/AP)

Em nova entrevista, o pastor Adam Tyson revelou que Kanye West queria abandonar sua carreira como rapper depois de "ter sido salvo" pelo cristianismo.

"Uma vez, [West] me disse que não faria mais rap", contou Tyson. "Eu disse: 'Por que não?', e ele respondeu: 'Essa é a música do diabo.' Então eu disse: 'Ei, cara. O rap é um gênero. Você pode fazer o rap por Deus. Você precisa usar o talento que Deus lhe deu e fazer disso um caminho até Ele'."

O rapper começou a frequentar a Igreja Bíblica Placerita na Califórnia, de Tyson, em maio deste ano, pedindo para falar com seu pastor.

Chegando lá, "[West] disse: 'Há cerca de cinco semanas, eu fui radicalmente salvo'", revelou Tyson. "Ele começou a me contar um pouco sobre seu testemunho."

+++ Leia mais: Jesus Is King, filme do Kanye West, ganha primeiro teaser; assista

"A culpa em relação ao pecado o derrubou", continuou. "O diabo basicamente o levou a um lugar onde ele estava preso ao seu pecado, e então ele disse: 'Fui entregue'."

Enquanto isso, Kanye West lançará o álbum Jesus Is King na próxima sexta, 25.

Assista à entrevista abaixo: