Kiss não voltará aos palcos antes de coronavírus ter cura: ‘Perigoso para nós e para os fãs’

Em entrevista, o vocalista e baixista Gene Simmons falou sobre o combate à pandemia

Redação Publicado em 30/04/2020, às 15h28

None
Gene Simmons (Foto: Amy Harris / Invision / AP)

Devido à pandemia de coronavírus, diversos astros adiaram shows para o final do ano. No entanto, Gene Simmons, do Kiss, revelou que as apresentações da banda serão retomadas apenas quando a doença tiver cura. As informações são do Whiplash.

+++ LEIA MAIS: Gene Simmons, do Kiss, ‘finge que todo mundo é um zumbi’ para estimular quarentena

Em entrevista ao programa de TV Good Morning L.A., o vocalista e baixista do Kiss falou sobre os shows: "Nós vamos voltar quando estiver seguro, quando houver uma cura. Nunca colocaríamos nossos fãs em perigo, ou nós mesmos".

O músico ainda falou que as perdas financeiras são secundárias em comparação ao fatores positivos do adiamento dos shows: "Podemos falar sobre os grandes números, os bilhões de dólares perdidos. Os ricos, famosos e bonitões, que usam roupas bobas como essa que estou usando... Bilhões de dólares pelo ralo. E daí? Estamos falando de mães solteiras e famílias que vivem a cada salário recebido".

+++LEIA MAIS: Gene Simmons: ‘Parem de reclamar da quarentena, a 2ª Guerra Mundial foi pior’

Ele continuou: “As pessoas que realmente fazem esses shows, como seguranças, a equipe de turnê, tudo isso... É questão de sobrevivência. As pessoas dentro da infraestrutura de shows e no entorno dela são as que mais estão sofrendo".

Em seguida, Simmons falou sobre outras medidas tomadas para ajudar no combate ao coronavírus: “Acabei de mandar um bom cheque para um hospital infantil aqui em Los Angeles porque temos não apenas crianças sofrendo com isso [coronavírus] - temos crianças também lutando contra o câncer. Não temos nada para reclamar. Vivo dizendo: pare de reclamar. Há coisas terríveis acontecendo por aí. Pessoas estão perdendo as vidas. Estamos nessa juntos”. 

Confira a entrevista: 

End of the Road, turnê de despedida do Kiss, tinha shows marcados no Brasil para o mês de maio, mas foram adiados para novembro. 


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO