Netas de Elvis Presley foram proibidas de participar de evento que celebra o avô

Ex-marido de Lisa Presley não quer que as filhas participem da Semana do Elvis pois teme pela privacidade das meninas

Redação Publicado em 06/08/2019, às 16h38

None
Elvis Presley no '68 Comeback Special' (Fotos: NBC)

Lisa Presley, filha do Elvis, quer levar as netas do cantor para Graceland, residência onde o músico morou e aonde acontece a celebração anual de sua carreira. Mas infelizmente seu ex-marido e pai das meninas, Michael Lockwood, não quer deixar isso acontecer.

O evento, conhecido como Semana do Elvis, tem início na próxima sexta, 9, e vai até dia 18 de agosto.

De acordo com os documentos judiciais obtidos pelo The Blast, Lisa apresentou um pedido ao tribunal para viajar com Harper e Finley, para ir à comemoração que acontece na cidade norte-americana de Memphis.

A ordem judicial foi negada em primeira instância pela Justiça dos Estados Unidos, e o caso continua sob análise. Enquanto o veredito final não sai, a ida das meninas à Semana do Elvis está proibida.

+++LEIA MAIS: Sósia de Elvis Presley casa Sophie Turner e Joe Jonas em Las Vegas

Michael Lockwood e Lisa se separaram em 2016, e desde então a cantora tem a guarda das filhas, enquanto ele tem permissão para visitá-las às quartas, sextas e na maioria dos domingos.

No dia 18 de julho, o guitarrista enviou um e-mail para a artista, no qual declarou não estar de acordo com a viagem. Do outro lado, a filha de Elvis discorda e acha importante Harper e Finley participarem do evento para "terem familiaridade com o avô e entenderem com o que ele contribuiu para o mundo".

Lisa afirmou que Lockwood não quer as filhas em Graceland porque as meninas correm o risco de serem fotografadas durante o evento. Mas, segundo a ex-esposa, a família toda foi no ano passado e o guitarrista fez um vídeo no qual mostra as crianças durante a Semana do Elvis Presley.

+++LISTA: 13 segredos de 'Ladrão', o terceiro disco do Djonga e um dos melhores de 2019