O erro que criou a marca registrada de Billy Idol

Em nova entrevista à Rolling Stone EUA, o músico de 65 anos explica como surgiu os cabelos loiros e espetados

Redação Publicado em 02/12/2020, às 12h33

None
Billy Idol (Foto: Mike Windle / Getty Images for iHeartMedia)

Em nova entrevista à Rolling Stone EUA, Billy Idol relembrou como sua marca registrada - os cabelos loiros e espetados - resultou de um “erro” com o qual ele decidiu conviver.

+++LEIA MAIS: João Gordo mostra foto de Kurt Cobain com camiseta dos Ratos de Porão

O músico de 65 anos disse que, originalmente, seu plano era manter o cabelo preto e fazer algumas mechas azuis. No entanto, sua amiga esqueceu de levar o tonalizante.

“Ela descoloriu meu cabelo, porque primeiro você descolore, depois faz as mechas azuis e depois pinta de preto de novo”, disse Idol. “Então, ela enfiou a mão na bolsa e disse: ‘Oh, eu não tenho as luzes aqui, não posso fazer o que a gente ia fazer. Vou buscar e a gente continua semana que vem’.”

“Na hora, eu meio que olhei no espelho e disse: ‘Não está tão ruim, na verdade. Isso é engraçado’. Estava um pouco laranja, mas era legal, especialmente pro punk”, continuou.

+++LEIA MAIS: E se o Slipknot tivesse desistido do metal para fazer pop punk?

Mais tarde, Idol foi ensaiar com o Chelsea, seu grupo na época. 

“Assim que entrei pela porta, Gene October, o vocalista principal, disse: ‘Você não vai deixar seu cabelo assim, vai?’ Comecei a contar a história toda, mas ele continuou assim, tanto que pensei: ‘[Gene] deve estar preocupado que eu me destaque mais que ele’. E respondi: ‘Sim, vou voltar a tingir’. Mas isso nunca aconteceu. Se tornou uma espécie de marca registrada.”


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes!


+++ TICO SANTA CRUZ: 'A GENTE QUERIA PROVOCAR OS CONSERVADORES' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL