Polícia encontra 30 músicas inéditas de Renato Russo

Operação Será investiga existência de músicas inéditas do cantor e fundador da banda Legião Urbana

Redação Publicado em 26/10/2020, às 17h29 - Atualizado em 10/10/2021, às 11h00

None
Renato Russo (Foto:Divulgação)

A Polícia Civil do Rio de Janeiro apreendeu, nesta segunda (26), um relatório com 30 músicas inéditas de Renato Russo, cantor icônico da banda Legião Urbana. As letras foram encontradas em dois estúdios de gravação e na residência de um produtor musical, no Centro e na Zona Sul do Rio. As informações são do O Globo

+++LEIA MAIS: Eduardo e Mônica, filme inspirado no clássico do Legião Urbana, ganha primeiro trailer; assista

Tais descobertas aconteceram durante a Operação Será, cujo nome é uma referência a um dos sucessos da banda Legião Urbana. Também foram apreendidos HDs e foi realizada uma busca por gravações que poderiam ter sido feitas por Renato Russo antes de morrer.

A operação foi criada para investigar a suposta existência de trabalhos inéditos do cantor, que morreu em 1996 devido às complicações do HIV.  Segundo o Jornal de Brasília, há quase um ano, o filho do cantor e detentor dos direitos autorais do pai, Giuliani Manfredini, denunciou que estariam ocultando canções nunca gravadas pelo cantor. 

+++LEIA MAIS: Pesquisa revela as bandas de rock favoritas dos brasileiros para um date: Legião Urbana, Capital Inicial e mais

A denúncia foi feita por Manfredini após receber, nas redes sociais, mensagens de um perfil falso que dizia ter canções inéditas de Renato Russo. Por isso, começou a ser apurado pela polícia o crime de violação de direitos autorais. 

Segundo o Jornal O dia, o advogado do dono do estúdio em que foi apreendido o material com canções preferiu não fazer declaração: “Enquanto eu não tiver acesso aos autos, não tenho nada a declarar nesse momento”.


Fê Lemos, do Capital Inicial, e Mel Ravasio lançam clipe e relembram Renato Russo

Hotel Básico, projeto do baterista do Capital Inicial  Fê Lemos, se juntou à artista Mel Ravasio para lançar o clipe de “Quanto Mais Eu Vejo”, canção que foi lançada nas plataformas digitais em dezembro de 2020. 

Gravada no Estúdio Balada Fodona, em São Paulo, a música foi produzida pelo próprio Lemos, enquanto a mixagem foi feita por Cris Simões e a masterização foi feita por Carlos Freitas. Com a participação especial de Gabriel Rocca, a faixa é o primeiro lançamento do próximo disco do Hotel Básico, previsto ainda para este ano. 

+++LEIA MAIS: Pesquisa revela as bandas de rock favoritas dos brasileiros para um date: Legião Urbana, Capital Inicial e mais

Para o lançamento do clipe, Lemos escolheu um dia especial e homenageou a data da primeira apresentação da banda Aborto Elétrico, em que tocou com Renato Russo e André Pretorius.

"Foi no dia 11 de janeiro de 1980, que eu, Renato Russo e André Pretorius fizemos o primeiro show do Aborto Elétrico. Foi num bar de um amigo do Renato, em Brasília. Posso dizer com segurança que aquele show representou o primeiro passo realmente importante da minha carreira artística, então achei que seria boa ideia lançar o primeiro videoclipe do Hotel Básico & Mel Ravasio nesse dia tão emblemático para mim", explicou o Lemos

Assista ao clipe de “Quanto Mais Eu Vejo”, do Hotel Básico & Mel Ravasio: