Homem-Aranha 3: teoria explica como vilões mortos podem retornar em novo filme

Doutor Octopus e Electro estarão presentes no terceiro filme do Cabeça de Teia

Redação Publicado em 10/12/2020, às 15h14

None
(Foto: Sony Pictures/Divulgação)

Alfred Molina e Jamie Foxx irão retornar no terceiro filme da nova saga do Homem-Aranha, de acordo com The Hollywood Reporter.

Molina interpretou o Doutor Octopus em Homem-Aranha 2 (2004), enquanto Foxx foi responsável por trazer o vilão Electro às telonas em O Espetacular Homem-Aranha 2 - A Ameaça de Electro (2014).

O terceiro filme do aracnídeo, que traz Tom Holland no papel principal, começou a ser filmado recentemente em Atlanta. Há rumores de que os atores Tobey Maguire e Andrew Garfield, antecessores de Holland, também terão uma participação no longa.

+++LEIA MAIS: Tom Holland não ficou muito feliz com retorno de Tobey Maguire e Andrew Garfield a Homem-Aranha

A explicação mais plausível para o retorno dos vilões, segundo rumores, seria o multiverso - inspirado pelos quadrinhos e pelo aclamado filme de animação Homem-Aranha no Aranhaverso (2018).

Flertando com a ideia de universos múltiplos, uma teoria do ScreenRant explica como Doutor Octopus e Electro sobreviveram às respectivas mortes e irão retornar para enfrentar o Homem-Aranha de Holland.

Em Homem-Aranha 2, Otto Octavius era um especialista em fusão nuclear tentando criar o primeiro reator de fusão do mundo. Como sabemos, os tentáculos mecânicos de Otto o transformaram no Doutor Octopus, fazendo com que perdesse a noção da própria essência. 

No filme, ao invés de criar um reator, ele parece ter formado um pequeno buraco negro. Cientistas afirmam que buracos negros não são prisões, como há muito se acreditava, mas passagens para outros universos - se grandes o suficiente.

+++LEIA MAIS: Série animada de Homem-Aranha criou Aranhaverso muito antes do filme de 2018

De acordo com essa teoria, o Doutor Octopus não teria morrido em Homem-Aranha 2, e sim, teria sido transportado para uma realidade paralela no multiverso - provavelmente a linha do tempo atual do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel).

Já o retorno de Electro é um pouco mais complicado de se explicar, porém, ainda plausível. Em O Espetacular Homem-Aranha 2 - A Ameaça de Electro, o Homem-Aranha (Andrew Garfield) e Gwen Stacy (Emma Stone) trabalham juntos para deter o vilão com uma elevada carga de eletricidade.

Sua aparente morte pode ter sido uma metamorfose, já que nos quadrinhos Electro possui a habilidade de se transformar em um ser de pura energia. A carga elétrica também pode ter sido responsável por despertar no vilão a habilidade de saltar entre universos alternativos (poder que Electro demonstra na série Web Warriors, de Mike Costa e Robbie Thompson).

+++LEIA MAIS: 4 fatos e curiosidades incríveis sobre Homem-Aranha no MCU [LISTA]

Apesar de ser apenas uma teoria, é interessante notar que o MCU já trabalhou com a ideia do multiverso em diversos filmes como Thor, Doutor Estranho, Homem-Formiga e Vingadores: Ultimato. Em Homem-Aranha no Aranhaverso, parceria da Marvel com a Sony, o Homem-Aranha de Miles Morales precisa salvar o mundo com a ajuda dos Cabeças de Teia vindos de outras dimensões.


+++ TICO SANTA CRUZ: 'A GENTE QUERIA PROVOCAR OS CONSERVADORES' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL