Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Glass Onion: Diretor explica cena final da pintura Mona Lisa

Mona Lisa é um dos principais elementos de Glass Onion: Um Mistério Knives Out

Redação Publicado em 28/12/2022, às 12h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Edward Norton e Mona Lisa em Glass Onion: Um Mistério Knives Out (Foto: Divulgação/Netflix)
Edward Norton e Mona Lisa em Glass Onion: Um Mistério Knives Out (Foto: Divulgação/Netflix)

Além do mistério de assassinato e das ótimas atuações, Glass Onion: Um Mistério Knives Out também conta com outro elemento importante: a pintura Mona Lisa, de Leonardo da Vinci. Agora, Rian Johnson, diretor do filme original Netflix, explicou a importância do quadro e da cena final dele.

Durante entrevista ao site TheWrap, o cineasta foi questionado sobre a cena e de todo significado por trás do clímax. Vale lembrar como o momento em questão acontece na mansão Glass Onion, a qual é movida a combustível alternativo à base de hidrogênio conhecido como Klear. Na residência, o bilionário Miles Bron (Edward Norton) conseguiu emprestar Mona Lisa do Louvre.

+++LEIA MAIS: Glass Onion: Por que personagem de Daniel Craig não contracena com marido?

Durante o final de Glass Onion repleto de reviravoltas, Helen (Janelle Monáe) usa o cristal Klear, que não é seguro perto do fogo e espalha gás pela casa, para destruir a icônica pintura, a qual acaba pegando fogo e completamente destruída.

"Isso meio que se formou bem cedo, a conexão entre os dois e também a noção de ver algo e então apertar os olhos um pouco mais perto e ver algo diferente estava embutido na estrutura disso," afirmou Rian Johnson na conversa.

+++LEIA MAIS: Glass Onion: Rian Johnson ficou irritado com título Um Mistério Knives Out; entenda

"Eu tive uma ótima conversa com [a dupla de cineastas deTudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo] os Daniels recentemente e eles também são grandes escritores estruturais, e eles colocam isso de uma maneira muito bonita, eles dizem como o significado do filme está contido na estrutura dele," continuou o diretor.

Para mim, reflete muito isso, e tudo o que Edward diz quando está falando sobre Mona Lisa, na frente de todos, de repente fundindo isso com esse personagem de Helen no final. E você sabe, ela queimou a Mona Lisa, mas a pintura vive em Helen.