5 filmes que estão banidos ou censurados há mais de uma década [LISTA]

A Centopeia Humana, Ben-Hur e mais: Embora o cinema seja uma forma de entretenimento, algumas produções foram proibidas pelo governo

Redação Publicado em 24/03/2020, às 09h54

None
Dieter Laser em A Centopeia Humana (Primeira Sequência) (Foto: Reprodução)

As pessoas se sentem inclinadas a assistir determinado filme por diversas razões: porque amam o diretor, o elenco, o gênero, porque foi recomendado, etc. Mas muitas pessoas têm uma curiosidade peculiar pelos filmes que foram proibidos.

+++LEIA MAIS: 6 filmes de terror tão bons que nunca deveriam ganhar um remake - O Iluminado, Os Pássaros e outros [LISTA]

Estamos predispostos a acreditar que se não devemos fazer alguma coisa é porque vale a pena fazê-la - o que, convenhamos, nem sempre é verdade.

Confira, abaixo, 5 filmes que estão banidos ou censurados há mais de uma década (via ScreenRant):


5. Ben-Hur (1959)

O épico Ben-Hur foi banido após a estreia na China, em 1959, ainda sob o regime de Mao Zedong. Aparentemente, ele continha "propaganda de crenças supersticiosas", ou seja, o cristianismo. A censura nunca mais foi repensada. Se eles esqueceram ou simplesmente nunca mudaram de idéia, é uma incógnita.

O filme é sobre a trágica história de vida de um nobre judeu, Judah Ben-Hur, que foi traído pelo amigo romano Messala e vendido como escravo. Judah jura voltar para vingar-se e salvar sua família. 

+++LEIA MAIS: 5 motivos para assistir novo O Grito (e são os mesmos motivos para evitar) [LISTA]


4. Terror sem Limites (2010)

Se você já ouviu falar sobre o conteúdo de Terror sem Limites, provavelmente pensará que as pessoas estavam certas ao proibi-lo. O filme do diretor sérvio Srđan Spasojević continua proibido na Austrália, Nova Zelândia, Noruega, China, Irlanda e Espanha (para citar alguns).

A história gira em torno de um ator pornô envelhecido e semi-aposentado, Miloš, que - preocupado com a situação financeira da família - é convencido a participar de um filme pornô "artístico". Relutante, ele aceita e começa a gravar, apenas para perceber que está mergulhado em algo muito mais depravado e sinistro do que imaginara.

+++LEIA MAIS: 7 filmes de terror com bastidores supostamente amaldiçoados: incêndio, luzes e ligações-fantasma


3. A Última Tentação de Cristo (1988) 

Um filme clássico baseado no romance de Nikos KazantzakisA Última Tentação de Cristo ainda é proibido nas Filipinas, Chile e Cingapura (inicialmente também na Grécia, partes dos EUA e Argentina). Este épico drama religioso de Martin Scorsese apresenta uma narrativa alternativa à da Bíblia sobre a vida de Cristo, representando-o como um homem com dúvidas e desejos humanos.

+++LEIA MAIS: 3 monstros do cinema que dão muito, muito medo - e 3 nem um pouco assustadores [LISTA]


2. Doce Vingança (2010)

Doce Vingança conta a história de uma escritora de Nova York, Jennifer Hills (Camille Keaton), que aluga uma casa em Kent, Connecticut, para terminar seu livro e é posteriormente humilhada e abusada sexualmente por um grupo de homens locais. Depois, em seu estado mentalmente perturbado e irritado, ela persegue os homens um por um.

O filme continua proibido na China, Islândia, Irlanda, partes do Canadá, Tailândia, Cingapura e Malásia.

+++LEIA MAIS: 13 séries de terror para sentir medo na Netflix: Ares, Dark, Residência Hill e mais [LISTA]


1. A Centopéia Humana (Primeira Sequência) (2010)

A notoriedade deste filme elevou-o a um status cult, mas se você é facilmente enojado, tenha cuidado... Este não é para você! O filme continua proibido no Brasil, nas Filipinas e na Malásia, enquanto na Indonésia é preciso ter mais de 21 anos para assisti-lo.

A Centopéia Humana conta a história de dois turistas na Alemanha que são sequestrados pelo cientista louco Josef Heiter, um especialista renomado em separar gêmeos siameses. No entanto, seu sonho é juntar pessoas criando uma cadeia de pessoas que compartilham um sistema digestivo: uma centopéia humana.

+++ LEIA MAIS: 7 filmes adiados por causa do coronavírus - Velozes e Furiosos, Lugar Silencioso e mais

 


+++ CORONAVÍRUS: DEVEMOS REALMENTE CANCELAR SHOWS E EVENTOS?