Afinal, sobre o que John Lennon canta na música ‘Mind Games’?

Em uma entrevista de 1980, o já ex-vocalista dos Beatles explicou a mensagem por trás do sucesso da carreira solo dele

Redação Publicado em 17/02/2020, às 15h40

None

Em 1980, John Lennon deu uma entrevista à revista Playboy, na qual contou um pouco da mensagem por trás de "Mind Games", faixa que lançou em 1973 em um disco de mesmo nome, após a separação dos Beatles.

Inicialmente o cantor contou que, a princípio, a canção "se chamaria 'Make Love Not War', mas já era tão cliché que você não podia mais falar isso. Então escrevi de forma mais escondida, mas é a mesma coisa."

+++LEIA MAIS: Qual foi a última música que John Lennon e Paul McCartney fizeram para os Beatles?

A ideia dele era, no começo dos anos 1970, resgatar a mentalidade dos anos 1960 que havia sido deixada para trás, além de combater a ideia de que o movimento "paz e amor" não tinha surtido efeito na sociedade.

"Todo mundo tinha começado a dizer que os anos 1960 haviam sido uma piada, que não significou nada, que aqueles hippies eram idiotas", Lennon explicou na entrevista.

+++LEIA MAIS: Qual banda John Lennon chamou de 'filhos dos Beatles'?

Segundo ele, o grupo de pessoas ao qual se referiam, tinham começado a culpar a geração mais recente por "tirar de nós e estragar tudo", mas com "Mind Games", o objetivo era falar para eles continuarem a fazer o que faziam durante o auge do moviemento, e não desanimar.

Assista aqui ao clipe de "Mind Games".


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA