Corey Taylor imagina como serão os shows após a pandemia do coronavírus: 'Renascimento'

Assim como outros artistas, o Slipknot iniciaria uma extensa turnê ao longo de 2020, mas agora planeja shows no fim da quarentena

Redação Publicado em 22/04/2020, às 13h58

None
Corey Taylor, em ação com o Slipknot (Foto: Cristopher Rogel Blanquet / Agência El Universal / AP Images)

Mais do que nunca, é um momento difícil para ter uma banda. Com o isolamento social recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) devido à pandemia do coronavírus, feiras, shows, festivais e aglomerações num geral são um desejo distante.

+++ LEIA MAIS: Corey Taylor revela ‘personalidade dada ao vício’ e luta contra alcoolismo há 10 anos

Assim como outros artistas, Slipknot iniciaria uma extensa turnê ao longo de 2020. Em recente entrevista ao Rock Feed, Corey Taylor, líder do grupo, compartilhou imagina o retorno dos shows após o coronavírus. "Não importa o que aconteça, terminaremos a agenda da turnê". 

"As coisas acontecerão aos poucos. Haverá vários pequenos atos e eles serão o teste decisivo para ver para o que o mundo está pronto. Provavelmente isso acontecerá em locais menores, porque as pessoas ficarão assustadas, cara". 

+++ LEIA MAIS: Corey Taylor vs tudo e todos: 7 momentos polêmicos do vocalista do Slipknot

Taylor também sugeriu que os primeiros shows aconteçam em locais ao ar livre, "onde as pessoas não se sintam confinadas". Para ele, "haverá uma sensação de paranoia por um tempo, mesmo depois que houver um medicamento desenvolvido ou uma vacina". 

A expectativa, segundo o vocalista do grupo, é que as coisas se normalizem dentro de uma no ou um ano e meio. "As pessoas vão precisar de um tempo para entender que tudo vai ficar bem e perceber há quanto tempo não assistem a um show". Taylor ainda pontuou que "as pessoas estarão cansadas de assistir coisas no YouTube e no celular. Acho que haverá um renascimento real do entretenimento ao vivo". 

+++ LEIA MAIS: Corey Taylor, do Slipknot, revolta-se com baixo lucro em streaming: “Melhor tocar em um bar”

+++ SESSION RS: SCALENE TOCA ASSOMBRA