Diretor de Coringa faria continuação com uma condição específica

Estrelado por Joaquin Phoenix, o filme já superou o lucro de todos os longas da Marvel

Redação Publicado em 15/11/2019, às 12h20 - Atualizado às 12h30

None
Joaquin Phoenix como Coringa (Foto: Reprodução)

Desde o lançamento e o sucesso consequente de Coringa, Todd Phillips tem sido bombardeado por perguntas sobre uma continuação, mas até então, havia apenas negado qualquer possibilidade disso acontecer. Mas parece que agora o jogo começou a mudar.

Em uma entrevista ao Los Angeles Times, o diretor revelou a única condição bem específica que seria capaz de convencê-lo a continuar a história iniciada (e aparentemente concluída) esse ano em colaboração com o ator Joaquin Phoenix:

"Não poderia ser um filme maluco sobre o Palhaço Príncipe do Crime. Precisaria ter alguma ressonância temática, de uma forma parecida como existe em Coringa. Porque, na minha opinião, esse é o principal motivo pelo qual o filme conectou com as pessoas, é o que se passa por debaixo dele."

+++Leia mais: Joaquin Phoenix acredita que seu Coringa é o ‘verdadeiro’ e estraga teoria favorita

O cineasta ainda acrescentou que "muitos filmes são sobre a faísca, e esse é sobre a pólvora. Se for possível capturar de novo isso, de uma forma real, seria interessante."

Phoenix, que interpreta o protagonista, já disse várias vezes que, se achasse um roteiro à altura do primeiro, com certeza retornaria ao papel de Arthur Fleck. Tanto que até fez pôsteres falsos para convencer Phillips.