'Ignorância não é uma desculpa', diz Ellie Kemper após viralizar como 'Rainha da KKK'

Polêmica com a atriz começou após o vazamento de uma foto dela em um baile de debutantes feito por uma organização com um 'passado indiscutivelmente racista, sexista e elitista'

Redação Publicado em 08/06/2021, às 12h54

None
Ellie Kemper (Foto: Getty Images/Neilson Barnard/Equipe)

Ellie Kemper, estrela de The Office e Unbreakable Kimmy Schmidt, se envolveu em polêmicas após o vazamento de uma foto dela em um baile de debutantes feito por uma organização com um "passado indiscutivelmente racista, sexista e elitista." Na internet, a atriz passou a ser chamada de "Rainha da Ku Klux Klan (KKK)." Kemper se retratou sobre o assunto no Instagram.

"Aos 19 anos, decidi participar de um baile de debutantes em minha cidade natal," afirmou a artista de St. Louis na publicação. "A organização centenária responsável por sediar o baile tinha um passado indiscutivelmente racista, sexista e elitista. Não conhecia essa história na época, mas ignorância não é desculpa."

+++LEIA MAIS: Como Ellie Kemper virou a 'Rainha da KKK' no Twitter

O baile em questão é Veiled Prophet Ball ("Baile do Profeta Velado," na tradução livre), cerimônia de 140 anos patrocinada por uma sociedade semissecreta composta por líderes brancos e ricos. O evento foi fundado por um ex-cavaleiro confederado em 1878.

"Eu tinha idade suficiente para me educar antes de me envolver," continuou Kemper. "Deploro, denuncio e rejeito inequivocamente a supremacia branca. Ao mesmo tempo, reconheço isso por causa de minha raça e meu privilégio, sou o beneficiada por um sistema responsável por reforçar justiça e recompensas desiguais."

+++LEIA MAIS: Como Adele aprendeu a lidar com os prazeres e as dores da fama [Arquivo RS]

A atriz também explicou como "acredito fortemente nos valores de bondade, integridade e inclusão" e tenta viver com esses valores: "Se minha experiência diz: as organizações e instituições com passados ​​diferentes dessas crenças devem ser responsabilizados, então preciso ver essa experiência sob uma luz positiva."

Kemper concluiu pedindo desculpas para "quem decepcionei," enquanto prometeu "ouvir, continuar a me educar e usar meu privilégio para apoiar uma sociedade melhor."

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Ellie Kemper (@elliekemper)

+++LEIA MAIS: Sinéad O’Connor anuncia aposentadoria da música: ‘Envelheci e estou cansada’

Tituss Burgess, quem coestrelou Unbreakable Kimmy Schmidt, apoiou a colega nas redes sociais. "Amo minha Ellie," escreveu seguido de um emoji de coração. "P.S.: da próxima vez, apenas me pergunte, e direi a você como prosseguir."


+++ URIAS: 'AS PESSOAS ESTÃO COMEÇANDO A ENTENDER MAIS DE MIM' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL