John Boyega admite que Star Wars: Os Últimos Jedi foi "um pouco bobo"

O ator, que interpreta Finn na saga, revelou ter conversado com Mark Hamill sobre os problemas do longa

Redação Publicado em 11/12/2019, às 16h39

None
John Boyega (Foto: Joel Ryan/AP)

Star Wars: Os Últimos Jedi foi um filme decisivo para os fãs da grande saga das galáxias e também para um dos principais atores da produção. 

Em uma entrevista ao Hypebeast para promover o Star Wars: A Ascensão Skywalker, John Boyega refletiu sobre o personagem Finn, Stormtrooper da Primeira Ordem, que uniu forças com a Resistência no O Despertar da Força.

+++ LEIA MAIS: Fãs de Star Wars reclamam de possível spoiler em comercial de TV

"Acho que o Star Wars: O Despertar da Força foi o começo de algo bastante sólido. Star Wars: Os Últimos Jedi, para ser sincero, diria que isso me parece um pouco duvidoso", disse Boyega.

"Eu não necessariamente concordei com muitas escolhas feitas nesse disco e isso é algo sobre o qual conversei bastante com Mark [Hamill] e tivemos conversas sobre isso. E foi difícil para todos nós". 

+++ LEIA MAIS: Affairs, spoilers e rivalidades: 7 curiosidades da trilogia clássica de Star Wars [LISTA]

Durante a entrevista, Boyega enfatizou que os filmes originais de Star Wars são especiais por causa do vínculo entre Luke, Han e Leia.

"Não sei com que rapidez conseguiremos estabelecer esse vínculo a longo prazo com [Star Wars: A Ascensão Skywalker]", respondeu ao se referir as jornadas individuais de Rey, Finn e Poe tentando se reconectar com apenas um filme. 

+++ LEIA MAIS: Série The Mandalorian desmente teoria de Star Wars: A Ascensão Skywalker; entenda 

Recentemente, Boyega admitiu ter deixado uma cópia do roteiro de A Ascensão Skywalker debaixo da cama enquanto se mudava de apartamento.

Star Wars: A Ascensão Skywalker chega aos cinemas no dia 19 de dezembro.

+++ SCALENE SOBRE RESPIRO: 'UM PASSO PARA TRÁS, RESPIRAR E VER AS COISAS DE UMA FORMA NOVA'