Pulse

Kiss defende preço dos ingressos da turnê de despedida

Gene Simmons disse que os valores cobrados são necessários "a não ser que você queira morar no porão da sua mãe, ter um emprego e fazer música como hobby"

Redação Publicado em 04/07/2019, às 09h31

None
Gene Simmons, Thommy Thayer e Paul Stanley (Foto:Sebastian Willnow/picture-alliance/dpa/AP Images)

Em uma entrevista ao Financial Times, Gene Simmons defendeu o valor dos ingressos da turnê de despedida do Kiss. Durante a recém-finalizada parcela norte-americana de End Of the Road, os preços variaram entre US$ 25 e US$ 1 mil.

O baixista do grupo falou que não seria viável cobrar menos, "a não ser que você queira morar no porão da sua mãe, ter um emprego e fazer música como hobby, o que é maravilhoso".

+++ Leia mais: Kiss, Guns, AC/DC e mais: 11 bandas que mandaram mal no primeiro show

E continuou: "Estar em uma banda que faz turnê é um trabalhão. Você vai ver um show que é tão bom quanto, ou até melhor, que qualquer outra coisa. Se fosse um cara com um violão, dava para cobrar menos. Nós temos 60 pessoas na nossa equipe, 20 caminhões, nem sei quantos ônibus e também um jatinho!".

Apesar de garantir essa suposta qualidade do espetáculo, recentemente o Kiss tem recebido diversas críticas por usar playback.

Paul Stanley também se pronunciou sobre isso, e deixou bem claro seu posicionamento. "Nunca caí nessa ideia do rockstar burro que em algum momento se pergunta 'para onde foi todo meu dinheiro?'. Sempre acreditei que, independente do quão talentoso você é em fazer dinheiro, sempre tem alguém tão talentoso quanto para tirar de você esse dinheiro".

E o guitarrista continuou: "Por isso sempre achei coerente monetizar tudo que fazemos. Tem uma diferença entre ser idealista e realista, e a diferença é a idade. Toda essa ideia do artista que passa fome, ou de que alguém não se interessa por dinheiro, adivinha só: as coisas vão mudar quando o aluguel estiver atrasado."

De acordo com a Billboard, a parte norte-americana de End Of the Road rendeu U$ 58,7 milhões com aproximadamente 518 mil ingressos.

A turnê de despedida do Kissdeve passar pelo Brasil no começo de 2020.

++++++ SESSION ROLLING STONE: Cynthia Luz acredita no amor puro com "Não Sou Sem Nós"