The Last of Us: de sequência do Joel no hospital a Ellie sozinha na neve, os momentos mais emocionantes do game

O jogo, criado pela Naughty Dog, foi lançado em 2013

Felipe Grutter Publicado em 06/06/2020, às 16h00

None
Ellie, Joel e um inimigo (Foto: Reprodução/Naughty Dog)

No dia 14 de junho de 2013 foi lançado o primeiro The Last of Us, um dos destaques do PlayStation 3 e um marco na indústria dos games. Agora, pouco mais de sete depois do lançamento, no dia 19 de junho de 2020 para PlayStation 4, o mundo verá a continuação da história de Ellie e Joel, cercada de momentos emocionantes.

O relacionamento dos dois começou conturbado, porque Joel foi contratado para levar uma garota, Ellie, de um ponto até outro, visto que ela era alguém de extrema importância para os Vagalumes, facção que contratou o protagonista para o serviço. Ou seja, no começo, a menina era apenas mais um trabalho para ele.

+++LEIA MAIS: Bob Burnquist revela que ligou para Tony Hawk para pedir Chorão em remake do game Tony Hawk’s Pro Skater

No entanto, com todos os acontecimentos da história, sejam emocionantes ou de conflito, Joel passou a ter uma relação de pai com Ellie, e criou um verdadeiro laço de família com ela. Veja abaixo os momentos mais emocionantes de The Last of Us.

Sarah morre

Logo no começo do game, os jogadores já ficam abalados com a morte de Sarah, filha de Joel. É ela quem você controla logo no início do jogo, marcado pelo início do apocalipse zumbi. E acompanhar ela do momento em que começa o jogo - assim como o fim do mundo - e ver a morte dela logo no começo é de quebrar o coração.

+++LEIA MAIS: Jogo cancelado dos Vingadores tem vídeo de gameplay revelado; assista


Joel cai em uma armadilha do Bill

Em determinado momento do jogo, 20 anos depois da morte de Sarah, quando Joel já aceitou a missão de transportar Ellie para os Vagalumes, ele vai com a garota atrás de um carro na cidade do Bill, um antigo amigo dele.

Porém, Bill vive recluso na cidade, e encheu o lugar de armadilha para invasores. Então, antes de conseguir falar com o amigo, Joel cai em uma dessas armações, fica pendurado de cabeça para baixo e vários zumbis começam a surgir e tentar atacar Ellie, que se encontra no chão.

O momento não chega a ser triste ou fazer lágrimas caírem, mas dá uma agonia, porque Joel precisa proteger Ellie, uma criança, de vários zumbis enquanto o protagonista está de cabeça para baixo.


Joel quase morre

Mais para frente na história do jogo, Ellie e Joel chegam em uma Universidade abandonada e encontram vários inimigos.

Luta vai, luta vem, Joel enfrenta um oponente no parapeito do mezanino de uma sala, o protagonista soca o inimigo, mas os dois caem no chão do primeiro andar. Enquanto o outro morre, Joel é atravessado na barriga por uma viga.

Nesse momento, tudo pode acontecer: Joel morre por conta do ferimento, Ellie pode fugir assustada e não ajudá-lo, inimigos chegarem e assassinar o protagonista naquela posição, entre outros.

O que aconteceu foi: Ellie consegue tirar Joel da viga e os dois fogem para um cavalo. Por estar seriamente ferido, a menina precisa cuidar do protetor dela. Então, ela precisa sair para caçar comida e pegar suprimentos. Depois da fuga, o jogador consegue controlar ela pela primeira vez. O momento é realmente desesperador.

+++LEIA MAIS: Borderlands: Cate Blanchett vai estrelar adaptação para o cinema da aclamada franquia de games


Ellie contra David no meio de uma nevasca

Enquanto Joel está ferido e não consegue se levantar, como dito acima, Ellie precisa ir atrás de suprimentos. Em uma das saídas, Ellie conhece a comunidade de um homem chamado David. Pouco tempo depois, o jogador descobre que o homem é um verdadeiro vilão e a faz de prisioneira no lugar. Mas com um detalhe: o clima não estava nada agradável e fazia uma forte nevasca.

Ellie consegue escapar, mas começa a ser perseguida por David e os capangas. Ela acaba em um estabelecimento da comunidade, onde está presente o mais recente vilão.

Ellie precisa eliminar David, mas por ser uma garota de 14 anos e não ter a força de um adulto, ela e o jogador passam por um dos momentos mais tensos de todo o game. Eventualmente, a jovem derrota o inimigo e o assassina brutalmente.  Essa sequência faz qualquer pessoa tremer na base.


Toda a sequência de Joel no hospital

Na reta final do jogo, Joel chega ao objetivo da missão pela qual ele foi contratado: entregar Ellie aos Vagalumes, instalados em um hospital.

Para quem não se lembra, Ellie é imune ao vírus zumbi, e os Vagalumes farão um procedimento para fazer uma cura e salvar a humanidade. Por isso ela era tão importante.

No entanto, a organização, para fazer a cura, realizaria engenharia reversa. Ou seja, Ellie morreria e Joel mão aceitou a possibilidade, e foi atrás dela para que ela não morra, mesmo com a salvação da humanidade voltasse a ser um sonho, não uma realidade.

Porém, ele é detido pelos Vagalumes, e precisa atravessar o hospital inteiro de membros da facção. Joel vira um exército de um homem só. Todo conflito dele contra os integrantes da organização é muito tensa, mas a parte emocionante vem um pouco depois, quando ele resgata Ellie.

Ele entra na sala de cirurgia - vale lembrar que o jogador tem opção de matar os médicos -, pega a garota e vai para o carro. Joel encontra com a chefe dos Vagalumes e a mata, a última vítima fatal dele no local.

Quando ela acorda, Joel mente para ela e disse que a cura não deu certo.

+++LEIA MAIS: Robocop em Mortal Kombat 11: fatalities com sangue, tiros e cabeças explodindo


A chegada em Jackson

Depois da chacina no hospital, Joel, junto de Ellie, procura abrigo em Jackson, comunidade liderada por Tommy, irmão dele. Essa é a última sequência do jogo.

Tudo fica mais calmo e emocionante. Joel tem diálogos riquíssimos com Ellie e diz que ela e Sarah, por serem parecidas, se dariam muito bem. Um desfecho incrível para um game espetacular.


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE