Pulse

Nick Carter pede ordem de restrição contra o irmão Aaron: “Ele quer matar minha esposa grávida”

Aaron deve ficar pelo menos 30 metros afastado de Nick e da família dele constantemente

Redação Publicado em 18/09/2019, às 11h10

None
Aaron Carter (Foto: Richard Shotwell/ Invision/ AP)

Nick Carter, o vocalista dos Backstreet Boys, alega que não teve escolha senão procurar por proteção legal após o irmão Aaron ameaçar assassinar a esposa grávida dele. Aaron Carter se pronunciou dizendo que nunca iria machucar os familiares.

De acordo o TMZ, a ordem de restrição estipula que Aaron deve ficar constantemente a 30 metros do irmão a esposa dele e outros parentes, e também está proibido de entrar na residência da família em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Nick diz que ele e a irmã foram forçados a procurar a ordem contra o cantor “devido ao comportamento alarmante e uma confissão recente dele sobre ter pensamentos e intenções de matar minha esposa e filho ainda não nascido".

Aaron participou recentemente do programa de entrevistas norte-americano The Doctors, e contou que sofre de ansiedade, esquizofrenia, transtorno de múltipla personalidade e depressão maníaca - também conhecida como transtorno bipolar.  

Aaron falou em entrevista que está “espantado com essas acusações contra mim e eu não desejo ferir ninguém, especialmente minha família.” O cantor também disse que os irmãos Carter não se veem há quatro anos, e não planejam uma reunião.

Uma audiência para estabelecer a ordem de restrição permanentemente foi marcada para o dia 16 de outubro.