Pedro Almodóvar: 6 melhores filmes do diretor; A Pele que Habito, Dor e Glória e mais [LISTA]

Para celebrar os 72 anos de Pedro Almodóvar neste sábado, 25, a Rolling Stone Brasil separou os maiores destaques do cineasta

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 25/09/2021, às 14h00

None
Pedro Almodóvar (Foto: Joel Ryan/AP)

Pedro Almodóvar, um dos diretores mais conceituados da atualidade, completou 72 anos neste sábado, 25. Os filmes do diretor chamam atenção pelas cores intensas, temáticas abordadas e colaborações frequentes entre determinados atores e atrizes, como
Antonio Banderas e Penélope Cruz.

Nascido em Calzada de Calatrava, Espanha, em 25 de setembro de 1949, Almodóvar teve uma vida repleta de dificuldades financeiras e nunca pôde estudar cinema. Antes de virar diretor, trabalhou com companhia telefônica estatal, histórias em quadrinhos, ator de teatro e até mesmo cantor de rock.

+++LEIA MAIS: Pedro Almodóvar incentiva ida aos cinemas: ‘Antídoto’

Como diretor, o artista fez história, porque foi o primeiro espanhol a ser indicado ao Oscar a Melhor Diretor, além de levar uma estatueta da Academia: Melhor Roteiro Original por Fale com Ela (2002). Também ganhou cinco BAFTAs e cinco Goya Awards, o mais importante prêmio do cinema espanhol.

Para celebrar a vida e carreira de Pedro Almodóvar, veja o ranking dos seis melhores filmes do diretor, segundo nota do IMDb:

+++LEIA MAIS: 6 diretores LGBTQ+ da cultura pop: Das irmãs Wachowski a Pedro Almodóvar [LISTA]


Dor e Glória (2019): 7.5/10

"Um consolidado diretor de cinema reflete sobre as decisões que tomou na vida, desde o passado e o presente, o qual colapsa diante dele."


Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (1988): 7.6/10

"Uma atriz de televisão encontra uma variedade de personagens excêntricos após embarcar numa jornada para descobrir o motivo do amante dela a deixar abruptamente."

+++LEIA MAIS: E se os maiores diretores do mundo decorassem seu home office? Wes Anderson, Almodóvar e mais


Volver (2006): 7.6/10

"Após morrer, uma mãe retorna à cidade natal para consertar as situações que não conseguiu resolver durante a vida."


A Pele que Habito (2011): 7.6/10

"Um brilhante médico é perseguido pelos erros do passado. Além disso, cria uma pele sintética que é resistente a tudo."

+++LEIA MAIS: Jim Carrey lembra de quando foi avisado que teria só ‘mais 10 minutos de vida’


Tudo Sobre Minha Mãe (1999): 7.9/10

"O jovem Esteban (Eloy Azorín) quer se tornar escritor e também descobrir a identidade do pai, quem a mãe Manuela (Cecilia Roth) escondeu cuidadosamente."


Fale com Ela (2002): 7.9/10

"Dois homens compartilham uma estranha amizade enquanto cuidam de duas mulheres em coma profundo."

+++LEIA MAIS: Bohemian Rhapsody: 4 erros do filme sobre Queen; Rock in Rio, gravação de ‘We Will Rock You’ e mais [LISTA]