Por que David Crosby foi expulso do The Byrds? ‘Eu era um cuz*o’

O músico relembrou o episódio da carreira no documentário da Netflix Echo of the Canyon

Redação Publicado em 18/06/2020, às 13h14

None
David Crosby (Foto: Reprodução / Instagram / Alex Lowy)

Apesar de não ter tanto reconhecimento na história do rock, o The Byrds foi uma das grandes bandas norte-americanas da onda de rock and roll da década de 1960. Contudo, logo no início da carreira, os integrantes do grupo passaram por conflitos, os quais resultaram na expulsão de David Crosby.  

De acordo com o Far Out Magazine, o The Byrds conquistou as paradas musicais com o cover de “Mr, Tambourine Man”, de Bob Dylan, em 1965. A banda construiu uma carreira de destaque com uma turnê na Europa e o sucesso do single“Turn, Turn, Turn”, mas perdeu espaço conforme as intrigas entre os integrantes cresceram. 

+++ LEIA MAIS: David Crosby diz que Joni Mitchell sofreu um aneurisma e tem problemas para falar

Depois dos integrantes rejeitarem a canção “Triad”, de Crosby, Roger McGuinn e Chris Hillman expulsaram o músico da banda. Porém essa não tinha sido a primeira saída do grupo. 

Em 1966, Gene Clark decidiu sair do projeto musical e, apenas um anos mais tarde, foi a vez de Michael Clarke. Mesmo com históricos de separações, muitas pessoas acreditavam que a expulsão de Crosbyfoi resultado da preferência da banda pelo cover de “Going Back”, de Carole King, ao invés de “Triad”. 

+++ LEIA MAIS: The Byrds abraça o country, Katy Perry abandona a música cristã e mais: dez artistas que mudaram de gênero musical

Décadas mais tarde, em 2018, o próprio Crosby revelou a verdadeira razão para a expulsão: “Senhoras e senhores, esse não é o motivo de terem me expulsado do The Byrds [...] Eles me expulsaram porque eu era uma cuz*o”. 

A revelação foi feita no documentário da Netflix Echo of the Canyon, em que Crosby ainda disse: “Se você der às crianças milhões de dólares, elas vão estragar tudo [...] Ficamos juntos por um bom tempo. Bandas tendem a se desenvolver. Elas evoluem até o ponto em que são emocionantes, novas e boas. Depois disso, eles descem a ladeira até: ‘Ligue a máquina de fumaça e toque os hits’".

Com o tempo, os músicos deixaram as diferenças de lado a até chegaram a se reunir para performances especial na década de 1970 e 1980. Além disso, Crosby deu continuidade na carreira com o grupo Crosby, Stills & Nash, em 1968.


+++ A PLAYLIST DO RUBEL