Pulse

Produtor de Os Simpsons revela por que episódio com Michael Jackson foi excluído do Disney+

O episódio é o primeiro da 3ª temporada, e chama-se “Stark Raving Dad”

Redação Publicado em 18/11/2019, às 20h59

None
Os Simpsons (Foto:Reprodução/Fox)

Na última terça, 12, o Disney+ estreou nos Estados Unidos e em alguns outros países do mundo - ainda não no Brasil. No catálogo, o streaming disponibilizou uma das animações mais famosas já feitas: Os Simpsons. No entanto, os assinantes notaram que o episódio com a participação de Michael Jackson não está na plataforma.

O produtor executivo da animação, James L. Brooks comentou sobre o episódio excluído: “Esse era um episódio especial, temos várias memórias atreladas a ele, mas isso [o caso de Michael Jackson] não permite que ele continue”.

+++LEIA MAIS: Disney+ apresenta problemas técnicos no dia do lançamento, reportam assinantes

Brooks se refere às acusações de abuso sexual e pedofilia contra Michael Jackson. Além disso, também se refere ao documentário Deixando Neverland (2019), o qual detalha as acusações contra o Rei do Pop.

Depois do lançamento da produção, o episódio de Os Simpsonscom a participação do cantor foi retirado do aplicativo daFox também.

+++LEIA MAIS: Os Simpsons se fantasiam como Homem de Ferro e Yoda para entrar no streaming da Disney+

O episódio é o primeiro da 3ª temporada, e chama-se “Stark Raving Dad”. Nele, Homer vai para um hospício e conhece Leon Kompowsky, personagem que afirma ser o verdadeiro Michael Jackson. O papel foi dublado pelo cantor, apesar de não ter sido creditado na época por questões contratuais.